domingo, 22 de janeiro de 2023

Beneficiários do Bolsa Família estão sendo bloqueados por ESTES MOTIVOS


 


Foto: Reprodução
Estes são os motivos que estão bloqueando o pagamento do Bolsa Família dos beneficiários

Assim que o presidente Lula anunciou a extinção do Auxílio Brasil para a volta do Bolsa Família, o governo federal junto ao ministério do Desenvolvimento Social começaram a se concentrar em um novo pente-fino para o programa social.

O novo pente-fino têm como foco o Cadastro Único para Programas Sociais, mais conhecido como CadÚnico, onde milhões de famílias podem passar pela revisão em prol da identificação de alguma possível irregularidade que bloqueie o pagamento do benefício.

Contudo, diante da nova operação pente-fino do governo na base de dados do CadÚnico, um grupo de famílias inscritas deve ser bloqueadas do programa.


Quem deve ter o Bolsa Família bloqueado?
Para falarmos sobre quem pode ser bloqueado do Bolsa Família é necessário lembrar as regras do programa, pois, quem descumpri-las, muito provavelmente deve ser excluída do programa social no novo pente-fino.

​Dessa forma, podem participar do Programa as famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza que tenham, em sua composição, gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105,00 (cento e cinco reais). As famílias pobres são aquelas que têm renda familiar per capita de R$ 105,01 (cento e cinco reais e um centavo) e R$ 210,00 (duzentos e dez reais).

Para se candidatar ao Programa é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha atualizado seus dados cadastrais nos últimos 2 anos.

Dessa forma, no geral, serão excluídos do Bolsa Família aqueles que:

Não se enquadram nos requisitos de pobreza ou extrema pobreza;
Estão com os dados desatualizados no CadÚnico.
As famílias precisam lembrar que os dados no CadÚnico precisam sempre ser atualizados, desde uma mudança de endereço, até um integrante que começou a morar com a família ou que já não mora mais. Lembre-se de deixar seus dados sempre em dia.

Atualização de dados no CadÚnico
Para atualizar os dados no CadÚnico, o procedimento é super simples, basta acessar ao site do CadÚnico, clique aqui para acessar. Onde, ao realizar o acesso à família que está com dados pendentes, poderá selecionar a opção “atualização cadastral por confirmação”.

Ao acessar a opção, basta que as famílias cliquem na opção e que sigam o procedimento, que é super simples e fácil de fazer. Lembre-se, absolutamente nunca minta nos seus dados, ou você poderá ser excluído do programa social.

Vale lembrar que em alguns casos, será preciso o comparecimento no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) do seu município.

O comparecimento nas unidades do CRAS ocorrerá em situações um pouco mais complexas, em que será preciso uma entrevista processual.

Mas não se desespere, caso você seja convocado para ir ao Centro de Referência e você se enquadra em todos os requisitos do programa, não haverá riscos, o objetivo é apenas de confirmar e atualizar as informações da sua família.

Nenhum comentário:

Postar um comentário