segunda-feira, 26 de dezembro de 2022

Confiança do consumidor sobe em dezembro após dois meses de queda, diz FGV


 
Foto: Reprodução
Após dois meses de queda, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV) subiu 2,7 pontos em dezembro, para 88,0 pontos. Em médias móveis trimestrais, porém, o índice recuou 0,3 ponto, para 87,3, após subir nos últimos cinco meses.

“A melhora da confiança reflete um aumento do otimismo em relação aos próximos meses, principalmente das famílias de menor poder aquisitivo, que vêm se mantendo mais endividadas e sofrendo mais com os efeitos da inflação e taxa de juros elevada”, afirma, em nota, Viviane Seda Bittencourt, coordenadora das Sondagens do Ibre.

De acordo com a sondagem, a alta do ICC foi influenciada pela melhora das expectativas em relação aos próximos meses. O Índice de Situação Atual (ISA) se manteve praticamente estável, ao variar 0,1 ponto, para 70,9 pontos, enquanto o Índice de Expectativas (IE) avançou 4,3 pontos, para 100,3 pontos, o melhor resultado desde dezembro de 2019.

“Entre os quesitos que compõem o ISA, houve piora da satisfação das famílias sobre a situação econômica, e melhora nas avaliações sobre as finanças pessoais no momento”, diz a nota da FGV.

O indicador que mede as percepções sobre a situação financeira das familias subiu 2,7 pontos, para 63,6 pontos, enquanto o indicador que mede a satisfação sobre a situação econômica recuou 2,7 pontos, para 78,8 pontos - o pior resultado desde julho de 2021 (77,9 pontos).

Segundo a FGV, o quesito do ICC que mais contribuiu para a alta em dezembro foi a situação financeira das famílias nos próximos seis meses. O indicador avançou 12,5 pontos, para 105,0 pontos, maior patamar desde fevereiro de 2019 (105,0 pontos). Já o indicador que mede o grau de otimismo com a situação econômica geral subiu 4,5 pontos, para 115,1 pontos. A intenção de compra de bens duráveis, no entanto, caiu 4,7 pontos para 80,8 pontos.

Com informações do site: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário