segunda-feira, 28 de novembro de 2022

Atenção beneficiários! LULA já confirma o valor do adicional de R$ 150 por filho do Auxílio Brasil para 2023


 
Foto: Reprodução
Durante a campanha presidencial deste ano, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) prometeu que financiaria um valor adicional para o Auxílio Brasil. Durante as eleições, ele explicou que um bônus de R$ 150 seria pago a crianças menores de seis anos. A promessa teve grandes repercussões entre a maioria de seus eleitores.
Após as eleições presidenciais, o governo eleito continua a planear pôr a ideia em prática. De acordo com declarações recentes dos aliados de Lula, o primeiro lote de ajuda brasileira já com um adicional de US $ 150 deve ocorrer a partir de janeiro do próximo ano, com liberações automáticas.



Os usuários que fazem parte do Brazilian Aid e que têm filhos menores de seis anos de idade, não precisam se preocupar com o registro. Dado que o cadastro da criança é atualizado no sistema Kadonico, o governo deve implementar transferências automaticamente, juntamente com o valor de R$ 600 para o programa social regular.



De qualquer forma, é importante lembrar que o governo eleito precisa combinar todos esses pontos com o Congresso Nacional. Para poder arcar com R$ 150 adicionais, será necessário liberar mais dinheiro fora do teto de gastos públicos. Para isso, será necessário aprovar a chamada "Aprovação de Transição na Convenção Nacional" até, pelo menos, o dia seguinte, 15 de dezembro.



Dadas as recentes declarações de Lula e aliados de Bolsonaro, é possível dizer que grande parte do Congresso Nacional apoia a ideia de criar mais R$ 150 para crianças menores de seis anos. Assim, o texto provavelmente será aprovado a tempo, e os pagamentos serão confirmados já em janeiro.



De acordo com os cálculos preliminares do governo interino, pouco mais de 9 milhões de crianças devem receber R$ 150 adicionais. Este valor pode ser ligeiramente maior ou menor. O Grupo de Trabalho de Desenvolvimento Social continua a analisar esta informação.
A ideia de pagar R$ 150 reais a mais para crianças menores de seis anos é garantir que famílias mais grandes não ganhem exatamente o mesmo que uma família de dois filhos, por exemplo. Há uma avaliação de que as casas com crianças naturalmente precisam de mais dinheiro.



Paralelamente ao processo de aprovação de mais R$ 150, o governo eleito também está em negociações com o Congresso Nacional para administrar a preservação do valor de R$ 600 para o ano que vem. Até o momento, ainda não há confirmação oficial a esse respeito.



Auxílio Brasil

Embora não haja confirmação dos valores das ajudas brasileiras para o próximo ano, os pagamentos de 2022 continuam ocorrendo normalmente. Na segunda-feira (28), por exemplo, é a vez dos usuários que têm o número social final (8 siclos). Veja o calendário completo abaixo:



17 de novembro: Usuários com NIS final 1
18 de novembro: Usuários com NIS final 2
21 de novembro: Usuários com NIS final 3
22 de novembro: Usuários com NIS final 4
23 de novembro: Usuários com NIS final 5
24 de novembro: Usuários com NIS final 6
25 de novembro: Usuários com NIS final 7
28 de novembro: Usuários com NIS final 8
29 de novembro: Usuários com NIS final 9
30 de novembro: Usuários com NIS final 0

Com informações do site: redebrasilnews

Nenhum comentário:

Postar um comentário