sábado, 6 de agosto de 2022

Salário MÍNIMO previsto para 2023 impressiona brasileiros? Confira o valor!


 


Foto: Reprodução
Hoje em dia no Brasil há milhões de cidadãos que recebem a quantia correspondente a um salário mínimo para viverem. Isso porque uma boa parcela da população brasileira recebe este valor ou, ainda, abaixo dele. 

De acordo com um levantamento feito com base nos dados do Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra a Domicílio), cerca de 34 milhões de brasileiros recebiam até um salário mínimo. Por conta disso, a alteração no valor pode afetar a vida financeira de muitas pessoas. 

Qual o contexto?
Com isso, as novas estimativas do salário mínimo já são feitas. No entanto, é preciso explicar que até o momento há previsões. O valor final definido pelo Governo Federal ainda não foi lançado, embora haja algumas documentações que permitam os cálculos. 

Dessa maneira, de acordo com o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), a previsão inicial fazia a indicação de um salário mínimo para 2023 na quantia de R$ 1.294. O texto teve a sua divulgação feita em abril deste ano pelo Governo Federal.

É importante destacar que para se chegar a esse valor foi feito um cálculo levando em consideração um Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 6,70%. 

No entanto, houve novas previsões quanto ao índice do INPC, o que pode alterar o valor do salário mínimo. Isso ocorre uma vez que o salário mínimo precisa ser reajustado tendo como base o índice do INPC, já que ele é responsável por indicar a inflação do país e o reajuste não pode ser abaixo da inflação. O reajuste deve ser o suficiente para cobrir a inflação ou, então, maior do que ela, para representar um ganho real aos trabalhadores.

Assim sendo, o valor previsto para 2023 já sofreu alterações.

Salário mínimo de 2023: valor divulgado?
O Ministério da Economia realizou uma nova previsão que aponta para que o INPC seja de 7,41%. Inicialmente, as previsões indicavam 8,10%. 

Entretanto, é necessário dizer que os cálculos se tratam apenas de estimativas. Ainda não há uma posição oficial do Governo Federal quanto ao valor final do salário mínimo para o próximo ano. Isso ocorre porque se a estimativa do INPC for diferente, será necessário reajustar novamente.  

Com isso, caso a estimativa de 7,41% se mantenha, o salário mínimo de 2023 poderá passar a quantia de R$ 1.301,81.

Além disso, é importante destacar que, assim como o salário mínimo, os benefícios do INSS também passam por um reajuste. Sendo assim, quem é beneficiário de auxilio-acidente, aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, do Benefício de Prestação Continuada (BPC), salário maternidade e outros poderão contar com os novos valores a partir do ano que vem.

Por fim, o Governo Federal ainda possui até o final do ano para poder definir, de vez, o valor final. Por isso, o mais recomendável é aguardar por novos posicionamentos, os quais devem acontecer em breve, agora que estamos no segundo semestre do ano.

Os trabalhadores de todo o país, sejam eles da iniciativa privada, sejam do funcionalismo público, podem contar com os valores dos abonos salariais do PIS/Pasep. O PIS é voltado para quem é funcionário público, enquanto o PASEP se volta para quem trabalha em instituições privadas.

Ao todo, há mais de R$ 560 milhões ‘esquecidos’ pelos trabalhadores, caso somadas todas as contas. Assim, os trabalhadores podem solicitar o saque de até um salário mínimo. É possível solicitar os valores de diversas formas. Uma delas é por email, pelo endereço: trabalho.uf@economia.gov.br. É necessário trocar “uf” pela sigla do estado correspondente.

Além disso, é possível ir até uma das unidades do Ministério do Trabalho e da Previdência para solicitar atendimento. Via telefone, é preciso ligar para o número 158.

Por fim, a última maneira é pela Carteira de Trabalho Digital, que pode ser acessada pelo link: https://bityli.com/NdhrOJ ou pelo servicos.mte.gov.br.



Com informações do site: pronatec, Said Slaibi

Nenhum comentário:

Postar um comentário