sábado, 15 de janeiro de 2022

Saque do PIS/Pasep é liberado antes do prazo em 48 cidades


 

Foto: Reprodução

Com o intuito de minimizar os danos causados pelas fortes chuvas que afetaram Minas Gerais e Bahia, o Governo Federal irá liberar o saque do PIS/Pasep a partir do dia 8 de fevereiro para moradores de 48 cidades destes estados, independentemente do mês de nascimento.

O anúncio foi feito pelo ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, com Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, em um evento. Estes moradores terão direito a receber o PIS/Pasep desde que se encaixem nos requisitos do benefício. 

A medida de saque antecipado do PIS/Pasep vale para os municípios reconhecidos em situação de emergência pela Defesa Civil em duas portarias editadas pelo Ministério do Desenvolvimento Regional em 10 de dezembro do ano passado. Ao todo, foram 31 municípios em Minas Gerais e 17 cidades da Bahia. 

Requisitos para receber o PIS/Pasep?

Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano de 2020;
Ganhar até dois salários mínimos por mês;
Está cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
É preciso que a empresa onde trabalhava tenha fornecido os dados corretamente ao governo.

Quanto cada trabalhador pode sacar do PIS/Pasep?

O benefício garante até um salário mínimo (R$ 1.212). Os pagamentos de 2022 do abono salarial serão pagos aos inscritos no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) que trabalharam com carteira assinada em 2020 e receberam, em média, até dois salários mínimos.

Para facilitar, elaboramos uma tabela com o valor do PIS/Pasep a sacar pelo trabalhador, de acordo com o número de meses trabalhados; veja:




Com informações do site: seucreditodigital