segunda-feira, 3 de janeiro de 2022

Os 10 concursos públicos que vão bombar no Brasil em 2022


 
Foto: Reprodução

Após vários concursos públicos serem adiados em decorrência da pandemia da Covid-19, a retomada dos certames e a publicação de importantes editais são aguardadas para 2022. No Brasil, mais de 236 mil vagas estão previstas para o próximo ano, além de 170 editais.

Veja 10 concursos que devem bombar no Brasil em 2022:

1. CGU

O edital do concurso público da Controladoria-Geral da União (CGU) já foi publicado. São 375 vagas, sendo 300 para o cargo de auditor federal, de nível superior, e 75 para técnico federal, que exige nível médio. Os salários vão até R$ 19,1 mil.

As inscrições devem ser feitas no site da banca FGV entre 3 de janeiro e 1º de fevereiro, mediante pagamento da taxa de inscrição de R$ 80 (nível médio) e R$ 120 (nível superior). As provas objetiva e discursiva serão aplicadas em 20 de março.

Confira as principais informações:

        300 vagas para auditor federal de Finanças e Controle (nível superior);
        75 vagas de técnico federal de Finanças de Controle (nível médio);
        Salário inicial de R$ 7.283,31, para nível médio;
        Salário inicial de R$ 19.197,06, para nível superior;
        A taxa de inscrição é de R$ 80 (médio) e R$ 120 (superior);
        Inscrições de 3/1/2022 até 1º/2/2022;
        Prova objetiva e discursiva em 20 de março.

2. IBGE

Outro concurso que também já tem editais publicados é o do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – devido ao Censo 2022. São 208.703 vagas, sendo 183.021 só para recenseador. As demais são para agentes e coordenadores censitários.

Confira as principais informações:

Recenseador

        Total de vagas: 183.021
        Remuneração: de acordo com a produção. É possível chegar ao salário de R$ 3.500, a depender do número de entrevistas e pessoas que alcançar.
        Previsão de duração do contrato: 3 meses
        Nível fundamental
        Inscrições até 29 de dezembro
        A taxa de inscrição é de R$ 57,50
        Data da prova: 27 de março de 2022
Agente Censitário de Administração e Informática

        Total de vagas: 1.781
        Remuneração: R$ 1.700
        Previsão de duração do contrato: 5 meses
        Nível médio
        Inscrições até 10 de janeiro
        A taxa de inscrição é de R$ 44
        Data da prova: 20 de fevereiro de 2022
Coordenador Censitário de Área

        Total de vagas: 31
        Remuneração: R$ 3.677,27
        Previsão de duração do contrato: 7 meses
        É preciso ter nível médio e CNH definitiva ou provisória, no mínimo categoria B, no prazo de validade

        Inscrições até 10 de janeiro
        A taxa de inscrição é de R$ 66
        Data da prova: 20 de fevereiro de 2022

Agente censitário municipal

        Total de vagas: 5.450
        Remuneração: R$ 2.100
        Previsão de duração do contrato: 5 meses
        Nível médio
        Inscrições até 29 de dezembro
        A taxa de inscrição é de R$ 60,50
        Data da prova: 27 de março de 2022
        Edital e inscrição: https://conhecimento.fgv.br/concursos/ibgepss21/09

Agente censitário supervisor

        Total de vagas: 18.420
        Remuneração: R$ 1.700
        Previsão de duração do contrato: 5 meses
        Nível médio
        Inscrições até 29 de dezembro
        A taxa de inscrição é de R$ 60,50
        Data da prova: 27 de março de 2022
        Edital e inscrição: https://conhecimento.fgv.br/concursos/ibgepss21/09

3. TJDFT

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), que estava sem abrir novos editais desde 2015, já definiu a banca organizadora do próximo concurso público.

A empresa Fundação Getulio Vargas (FGV) será responsável pela organização do próximo edital, que deverá abrir 93 vagas. As oportunidades serão divididas entre analista judiciário (nível superior) e técnico judiciário (nível médio).

4. Receita Federal

O secretário da Receita Federal, Júlio Gomes, busca a autorização do novo certame para janeiro de 2022. A expectativa é que as nomeações dos aprovados ocorram ainda no mesmo ano.

O concurso deve ofertar 699 vagas, sendo 230 para o cargo de auditor fiscal e 469 para analista tributário. Os salários podem ir até R$ 21 mil.

A autorização do novo concurso voltou a ser debatida nos últimos dias, após debandada de servidores na Receita Federal, que manifestam descontentamento com o corte no orçamento do órgão. Na quinta-feira (23/12), auditores fiscais aprovaram greve da categoria.

5. Ibama

Com inscrições encerradas em 20 de dezembro, o concurso do Ibama está previsto para 30 de janeiro de 2022. A banca organizadora é o Cebraspe. As provas serão realizadas nas capitais dos 26 estados da Federação e no Distrito Federal.

Ao todo, o processo seletivo oferta 568 vagas em cargos de níveis médio e superior. As oportunidades oferecem salários iniciais que variam de R$ 4.036,34 a R$ 8.547,64.

As vagas estão divididas da seguinte forma:

        96 vagas para Analista Ambiental (nível superior);
        40 vagas para Analista Administrativo (nível superior);
        432 vagas para Técnico Ambiental (nível médio).
Confira aqui o edital.

6. ICMBio

O Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade (ICMBio) também terá prova de concurso em 2022. Organizado pelo Cebraspe, o processo seletivo tem 171 vagas para os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Pará e Rondônia.

As oportunidades estão distribuídas entre 61 vagas para analista ambiental, que exige ensino superior completo, e 110 vagas para técnico ambiental, que precisa de nível médio.

Os salários iniciais vão de R$ 3.605,34 até R$ 8.089,64. As provas objetiva e discursiva estão marcadas para o dia 6 de fevereiro de 2022.

Veja aqui o edital.

7. INSS

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) prevê que a programação de novos certames será retomada em 2022, após o término do contrato dos servidores temporários. Estão previstas 7.575 novas vagas, sendo 6.004 para técnicos e 1.571 para analistas.

O concurso público para o órgão já foi solicitado ao Ministério da Economia e aguarda autorização. Os aprovados devem receber salários iniciais de até R$ 8.357,07.

8. Ministério da Economia

O Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB) foi oficializado como banca organizadora do concurso do Ministério da Economia, para provimento de 300 vagas em cargos de níveis médio e superior.

O extrato de contrato foi publicado no dia 21 de dezembro, por meio do Diário Oficial da União (DOU). Agora, o passo restante é a publicação do edital para temporários.

A comissão da seleção estava formada desde setembro e, de acordo com as informações divulgadas na época, a distribuição das vagas por cargo se dará da seguinte forma:

        Analista de Negócio (nível superior): 40
        Analista técnico de demandas previdenciárias, judiciais e de controle (nível superior): 145
        Técnico em atividades previdenciárias e de apoio (nível médio): 115

9. Senado

O concurso do Senado está autorizado e já chegou a ter comissão organizadora formada em 2019. No entanto, com a pandemia, as tratativas para o certame foram suspensas.

Agora, o concurso deve ser realizado em 2022, com previsão de 40 vagas divididas entre cargos que exigem níveis médio e superior de escolaridade.

O cargo com a maior oferta de vagas é o de Técnico – Policial Legislativo, que exige apenas o nível médio de escolaridade. Inicialmente, o servidor recebe o valor de R$ 19.427,79. Já para os cargos de nível superior, os salários chegam a R$ 33.461,68.

10. Banco Central

O Banco Central do Brasil já enviou pedido de autorização ao Ministério da Economia para realizar novo concurso público. No total, foram solicitadas 245 para os cargos de analista, técnico e procurador.

Os dados do quadro de pessoal foram atualizados em junho de 2021. O quantitativo de cargos vagos cresceu e, no total, atingiu 2.962. Além desse quantitativo, atualmente há 313 servidores com direito adquirido para se aposentar.

A remuneração pode ir até R$ 21.014,49.

Com informações do site:  midiamax