quinta-feira, 9 de dezembro de 2021

Vale-gás Nacional: quem recebe auxílios estaduais vai poder receber benefício?


 
Foto: Reprodução
Às vésperas dos pagamentos do Auxílio gás nacional, muita gente diz que ainda tem dúvidas sobre os repasses do benefícios. Essas confusões são normais visto que nem mesmo o Governo Federal anunciou todos os detalhes sobre o recebimento do novo projeto a partir deste mês de dezembro.

Uma das questões que estão circulando pelas redes sociais, é sobre a situação do acúmulo dos benefícios. Afinal, uma pessoa que já recebe um projeto estadual vai poder receber também o vale-gás nacional? De acordo com informações do próprio Governo Federal, a resposta é sim. Pelo menos é o que se sabe.

O Ministério da Cidadania, que é a pasta responsável por esses pagamentos, afirma que as pessoas que estão recebendo um outro benefício vão poder acumular os dois repasses. Quem está recebendo ajuda de algum governo do estado, por exemplo, vai poder juntar as duas liberações.

Essa é uma dúvida que estava tirando o sono de muita gente neste momento. É que quase todas as unidades da federação estão oferecendo neste momento algum tipo de auxílio para a população mais humilde. Quem recebeu esse dinheiro ou ainda está recebendo, não vai precisar se preocupar. Vai poder pegar o Vale-gás.

E isso inclui o acúmulo do dinheiro. Então quem recebe, por exemplo, R$ 80 de um auxílio estadual, vai poder juntar esses dois pagamentos. E aí neste caso ele passa a receber R$ 480 que é a mistura dos dois. Vale lembrar, no entanto, que cada programa tem suas próprias regras nesse sentido.

Precisa seguir as outras regras

Só que é sempre importante deixar claro que estar em um programa social não garante o recebimento do vale-gás. Para entrar no novo projeto é preciso seguir todas as normas de seleção que a lei está exigindo.

De acordo com o programa em questão, o vale-gás nacional vai atender apenas às pessoas que estão no Cadúnico e que estejam recebendo até meio salário mínimo de forma per capita. Além disso, eles irão fazer pagamentos para os usuários do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Nesta última semana, o Governo Federal publicou um decreto dizendo que pessoas que possuem uma renda per capita menor e que moram com mais inidvíduos em uma mesma casa terão preferência no recebimento do benefício.

Vale também para o Auxílio Brasil

E o caso do Auxílio Brasil do Palácio do Planalto? De acordo com as informações do Governo Federal, quem recebe esse benefício vai ter a chance de pegar o vale-gás. Não haverá, portanto, nenhum tipo de impedimento para que eles.

Pelo contrário. Pelo que se sabe até aqui, as pessoas que estão dentro do Auxílio Brasil terão preferência no recebimento do vale-gás nacional. Isso diminuiu muito as chances de quem quer receber o programa, mas não está no Bolsa Família.

A expectativa do Governo Federal é atender cerca de 5 milhões de pessoas com este auxílio gás. Isso é bem menos do que vinha se projetando. Autores do projeto diziam que ele podia atingir até 24 milhões de famílias.


Com informações do site:  noticiasconcursos