sexta-feira, 10 de dezembro de 2021

Aposentados e pensionistas vão começar a receber benefício com novo reajuste


 
Foto: Reprodução

Um dos temas que mais chama a atenção dos brasileiros é o reajuste do salário mínimo, afinal, com as recentes projeções o benefício pode ter uma alta histórica tendo em vista os avanços da inflação no país. Como consequência, o reajuste do salário mínimo e os avanços da inflação vão impactar diretamente os benefícios do INSS.

Salário mínimo, inflação e os benefícios do INSS

Na segunda quinzena de novembro, o Ministério da Economia divulgou os novos índices previstos do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) de 10,04%.

O INPC é o índice responsável por medir os avanços da inflação no país, além disso, conforme a legislação estabelece desde 2020, o cálculo do salário mínimo também considera o INPC como referencial para reajuste.

Assim, com o INPC em uma alta até o momento de 10,04%, o impacto da inflação no salário mínimo pode fazer com que o piso nacional salte de R$ 1.100 para R$ 1.210,44 em 2022.

Quanto aos benefícios do INSS, vale lembrar que a legislação determina que nenhum benefício pago pelo INSS pode ser menor que um salário mínimo, sendo assim, quem ganha R$ 1.100 de aposentadoria, pensão ou qualquer outro benefício do INSS, deverá receber R$ 1.210,44 em 2022.

Já os segurados que recebem mais de um salário mínimo, o reajuste do benefício ocorre com base no INPC, ou seja, os segurados devem ter um aumento de 10,04% no atual valor de benefício que recebem para 2022.

Vale lembrar que os dados do INPC divulgados pelo Ministério da Economia ainda podem sofrer com uma alteração, quando o governo conseguir identificar as variáveis da inflação nos 12 meses de 2021.

Quando os segurados começam a receber o reajuste?

Uma dúvida muito comum que os segurados do INSS tem é sobre quando vão começar a receber o reajuste, se será a partir de janeiro ou fevereiro.

Para esclarecer esses pontos, precisamos lembrar que a folha de pagamentos de dezembro de 2021 ocorrerá entre os dias 23 de dezembro a 7 de janeiro.

Sendo assim, os pagamentos dos benefícios ainda no início de janeiro dizem respeito a folha de dezembro de 2021, com o valor do benefício de 2021, ou seja, não haverá reajuste no valor do benefício neste calendário.

Assim, os pagamentos com reajuste vão começar em 25 de janeiro de 2022, quando o INSS começar a pagar a folha de janeiro de 2022 que por obrigação já deve constar o novo valor de benefícios.

Calendário do INSS para 2022

Vale lembrar que o calendário de pagamentos do INSS para 2022 também já foi liberado, confira a seguir as datas de recebimento para o próximo ano.

Para beneficiários que recebem um salário mínimo



Para beneficiários que recebem mais de um salário mínimo



Com informações do site: jornalcontabil