quarta-feira, 24 de novembro de 2021

Tinoco diz que espera presença de titular da Sesab em nova audiência sobre realização do Carnaval


 
Foto: Reprodução
O presidente da Comissão Especial de Retomada dos Eventos de Salvador, o vereador Claudio Tinoco (DEM), disse que espera que a secretária de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), Tereza Paim, participe de nova audiência que será realizada, sobre a realização do Carnaval 2022, na Câmara Municipal, a partir das 9h da próxima terça-feira (23).

Tinoco conversou com o BNews na manhã desta segunda-feira (22) durante evento que marcou o início da distribuição de absorventes higiênicos para estudantes da rede municipal pela prefeitura de Salvador. “Não posso antecipar o resultado [da audiência]. A minha expectativa é de que a secretária Tereza Paim apareça", diz.

Segundo ele, a titular da pasta, que tem engrossado o coro daqueles que pregam cautela quanto à realização da festa, foi convidada com antecedência para o encontro. "É muito importante, pois precisamos levar em consideração a recomendação do Conselho Estadual de Saúde. O próprio presidente também foi convidado", continua.  

O edil conta também que, em nome da comissão, irá até São Paulo na próxima quarta-feira (24). Na ocasião, se reunirá com o secretário de administração regional, designado, por decreto da prefeitura da capital paulista, para coordenar o carnaval de rua da cidade.

Ele explica que a visita tem o intuito de conhecer o que vem sendo feito pelos paulistas, desde outubro, para viabilizar a realização do que eles pretendem que seja “o maior carnaval de rua” de sua história.

"Cidade que já assinou contrato de patrocínio, que já contratou uma fundação para auxiliar o planejamento dos circuitos, mas que condicionou aos indicadores da pandemia que vão ser aferidos mais à frente", destaca. Essa visita, mais as informações da audiência marcada para esta terça, resultará em um segundo relatório.

O documento deve ser submetido à aprovação dos demais membros da comissão na próxima segunda-feira (29). Sendo aprovado, uma coletiva de imprensa deve ser realizada para divulgação de mais detalhes.

"Para a audiência de amanhã, inclusive, nós já ganhamos o reforço para da Comissão do Carnaval. Ou seja: mais vereadores estão se juntando à Comissão Especial - que é composta por nove. A gente começa a ganhar, digamos assim, uma representatividade muito maior do ponto de vista do posicionamento para a próxima semana", avalia.

Tinoco ainda defendeu que as manifestações do último domingo (21), pela realização do carnaval, "independente da dimensão que tiveram", tem legitimidade, e destacou que cordeiros, baianas, ambulantes, mototaxistas e outras categorias precisam de uma resposta - positiva ou negativa - a respeito da realização da festa.  

"Que não seja o sim ou o não. A resposta poderá ser, no âmbito da comissão, a indicação de um auxílio específico para essas categorias e um edital de cultura específico para o carnaval - para contemplar aquelas entidades carnavalescas que por ventura não tem condição de fazer festas fechadas", concluiu.

Com informações do site: BNEWS