quarta-feira, 17 de novembro de 2021

Quanto tempo eu preciso investir para ter R$1 milhão na minha conta?


 
Foto: Reprodução
Após trabalhar durante anos seguidos, o sonho de boa parte dos brasileiros é se aposentar e começar a curtir a vida. Pensando nisso, uma pergunta inusitada surge: é possível se aposentar com R$1 milhão na conta bancária?.

De acordo com Valter Police, planejador financeiro e sócio da Fiduc, isto é possível sim! Quem deseja chegar aos 60 anos contando com uma autonomia financeira e qualidade de vida e com R$1 milhão no bolso, saiba que este sonho pode ser real.

Porém, para atingir este objetivo é necessário dois passos importantes: planejamento e antecedência.

Police orienta que quanto mais cedo a pessoa começar a aplicar o dinheiro, mais rapidamente ela atingirá seu objetivo. Independente da idade, é preciso começar a se mexer e saber quais são as medidas que precisam ser tomadas para deixar o caminho até seu objetivo mais curto.

No Tesouro Selic, por exemplo, modalidade de renda fixa que é muito conhecida pelos brasileiro, para atingir o valor de um milhão, são necessários em média 40 anos. Já na poupança, este número sobe para 49.

A projeção de Police considerou o investimento de R$ 500 por mês e a taxa básica de juros, Selic, que está fixada em 6,25%.

“Para acumular patrimônio ao longo de muito tempo, investimentos como a caderneta de poupança não são indicados, porque têm retorno muito baixo”, disse o especialista.

Ele afirma que por ser menos atingido pelas oscilações do mercado, o Tesouro Selic é mais indicado para quem deseja ganhar renda, mas sem correr riscos. “Se eu desconto o imposto, em vez de um pouco menos de 40 anos, vai para algo como 42 anos. Ainda assim é bem menos do que na caderneta de poupança”, diz.

Valter orienta que o investidor deve ir atrás de diversificação em sua carteira, caso esteja achando que seu objetivo de atingir R$1 milhão está demorando para ser alcançado.

“Se você pensar em ações, também já descontando a inflação, esse prazo vai para algo em torno de 30 anos. É muita coisa, mas estamos falando de investir R$ 500 por mês. São valores baixos para quem quer um valor muito alto. O ideal é que a pessoa saiba que só a renda fixa não vai funcionar para o longo prazo”,disse.


Com informações do site: FDR