quarta-feira, 17 de novembro de 2021

Pente-fino: O corte de benefícios do INSS tem início nesta semana.


 
Foto: Reprodução

Anualmente o Instituto Nacional de Seguro Social realiza uma operação chamada de Pente-fino. Ela tem o intuito de verificar se os benefícios da Previdência Social são concedidos somente a quem realmente cumpre os critérios determinados pela instituição. 

Conforme informações do INSS, aproximadamente 85 mil segurados precisam regularizar os cadastros e a previsão é que os cortes dos benefícios que não responderam à operação pente fino tenham início no próximo dia 19, sexta-feira.

Como o INSS notifica os beneficiários com situação irregular?

Essas notificações estão acontecendo, desde agosto e o  INSS pode alertar os segurados de várias formas, são elas: pelo caixa eletrônico, pelo aplicativo Meu INSS, por SMS (pelo número 280-41 ), ou por correspondência.

Um grande desafio apontado pela Previdência Social, no Pente- Fino, é a adulteração quanto às informações sobre a morte do titular da aposentadoria e irregularidade na Prova de Vida.

Quantos beneficiários foram chamados em todo o país?
Até agora, cerca de 95 mil beneficiários foram chamados no Brasil e o agendamento da perícia médica termina na próxima sexta-feira (19).

Qual é o foco do Pente-fino?
A ação tem como ponto principal os benefícios concedidos por incapacidade (auxílio-doença e aposentadoria por invalidez), mas pode alcançar outros benefícios com evidências de inconformidades. Acompanhe a seguir, alguns casos:

Auxílio-doença ou auxílio-acidente concedidos antes de completar o período de carência exigido;
Pessoas com deficiência que recebem o BPC e não comprovaram os requisitos determinados;
Pessoas incapacitadas que recebem alguma remuneração;
Auxílio reclusão para pessoas com renda superior ao valor informado na concessão do benefício.
Vale lembrar, que segundo o INSS aproximadamente 170 mil auxílios-doença, com indícios de inconformidades serão analisados até o fim de 2021.

Perícia médica

Antes de fazer a perícia médica, o beneficiário precisa realizar o agendamento. Confira a seguir quais são as formas:

Meu INSS (site ou aplicativo);
Central de Atendimento, pelo número 135.
Importante: A Central de Atendimento funciona de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h.

Como agendar a perícia médica?

Para fazer o agendamento da perícia médica é necessário realizar o seguinte passo a passo:

Acesse o site Meu INSS;
Selecione “Agendamentos/Solicitações”;
Escolha o benefício;
Verifique as informações de contatos;
Escolha a agência do INSS, data e horário.
Documentação que os beneficiários devem apresentar quando são convocados 
Alguns beneficiários além de fazer a perícia médica, precisam apresentar alguns documentos, são eles:

Documentos de identificação pessoal;
Comprovante de renda e residência;
Meios de contato;
Atestados e laudos médicos;
Atestado de Saúde Ocupacional;
Exames de imagem;
Prontuários médicos;
Comprovantes de internação hospitalar;
Ficha de evolução clínica;
Receitas médicas com prescrição de uso de medicamentos;
Bula dos medicamentos que contenham advertência de possíveis efeitos colaterais.

Importante: A finalidade é comprovar o registro e o direito de recebimento do benefício. 

Com informações do site: Jornal Contabil