segunda-feira, 22 de novembro de 2021

Auxílio Brasil terá mais 7 pagamentos em novembro; veja calendário


 
Foto: Reprodução

A penúltima do mês de novembro trará novos pagamentos do novo Auxílio Brasil, programa de renda que veio para substituir o Bolsa Família, após os últimos pagamentos do Auxílio Emergencial.

Agora, a Caixa Econômica Federal (CEF) unifica todos os pagamentos neste novo programa, com liberação de valores sempre na última quinzena do mês, conforme o calendário do Bolsa Família.

Neste mês de novembro o benefício vai atender as 14,5 milhões de famílias selecionadas a partir da base de dados do Bolsa Família. Já para o próximo mês o governo planeja ampliar o alcance do programa para mais pessoas e vai aumentar o valor do Auxílio Brasil para R$ 400.

O Auxílio Brasil vai englobar em um só programa, diferentes políticas públicas de assistência social, saúde, educação, emprego e renda. Os beneficiários vão receber valores variados, conforme se enquadrem nos requisitos previstos na Medida Provisória 1.061/2021 publicada no Diário Oficial da União que rege o programa.

Datas de pagamento do Auxílio Brasil
Nesta nova semana de 22 a 26 de novembro, mais 5 pagamentos serão feitos, tendo um grupo recebedor por dia, conforme o final do Número de Identificação Social (NIS). Veja as datas:

NIS com final 4: 22 de novembro
NIS com final 5: 23 de novembro
NIS com final 6: 24 de novembro
NIS com final 7: 25 de novembro
NIS com final 8: 26 de novembro
NIS com final 9: 29 de novembro
NIS com final 0: 30 de novembro

Como sacar o Auxílio Brasil?
O modo de saque é o mesmo utilizado pelo grupo do Bolsa Família. A Caixa reiterou que os cartões e as senhas utilizados permanecem válidos e poderão ser utilizados da mesma forma agora, informou o banco.

Um aplicativo do Auxílio Brasil já foi lançado pela Caixa para acompanhar o saldo e fazer as transferências dos valores. A Caixa já migrou todas as famílias que recebem o Bolsa Família para o aplicativo Caixa TEM por meio da conta Poupança Digital, que agora receberão o Auxílio Brasil na mesma modalidade.

O aplicativo específico do Auxílio Brasil foi lançado recentemente e possui versão apenas para celulares Android. Para quem usa o sistema operacional iOS, o aplicativo do Bolsa Família ainda segue válido e em funcionamento.

Quem tem direito ao Auxílio Brasil
Por enquanto, somente quem está no Bolsa Família recebe o Auxílio Brasil. Terão direito às novas parcelas mensais as famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza que tenham, em sua composição, gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

Um decreto do governo divulgou os novos valores para enquadrar as famílias nessas classes. Agora, famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda familiar per capita de até R$ 100,00; enquanto famílias pobres têm renda familiar per capita de R$ 100,01 a R$ 200,00.

Para se candidatar ao Programa é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. Caso atenda aos requisitos de renda e não esteja inscrito, procure o CRAS (assistência social) na prefeitura de sua cidade para realizar o cadastramento.

Mensalmente, o Ministério da Cidadania vai selecionar novas famílias que serão incluídas para receber o benefício. O Senado está votando a PEC dos precatórios e abrindo espaço fiscal para atender um grupo maior de pessoas. O governo pretende estender o Auxílio Brasil para até 20 milhões de famílias em 2022.

Com informações do site: Ache Concurso