quarta-feira, 17 de novembro de 2021

Auxílio Brasil de R$400: Aplicativo do Bolsa Família será atualizado automaticamente


 
Foto: Reprodução
A Caixa Econômica Federal lançou nesta semana o aplicativo oficial do Auxílio Brasil. Para quem ainda não sabe, esse é o programa que deve substituir o Bolsa Família a partir deste mês de novembro. Quem já tem o app do benefício anterior, não vai precisar baixar um novo. Pelo menos é isso o que dizem as autoridades.

Nesta quarta-feira (16), o Presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, fez uma live no Youtube para esclarecer como os pagamentos irão funcionar. De acordo com ele, quem já tem o app do Bolsa Família não precisa baixar o do Auxílio Emergencial. Basta ir até a loja de aplicativos e atualizar a aplicação.

Nessa nova atualização, os dados já chegaram com as novas métricas do novo Bolsa Família. Então até mesmo os novos valores irão aparecer. Para entrar nesse programa vai ser preciso inserir o número do CPF e também a senha de acesso. Caso ainda não tenha uma, o cidadão pode criar uma sequência do zero.

Não é preciso ir até um Centro de Referência em Assistência Social para fazer isso. De acordo com as informações da Caixa Econômica Federal, as pessoas podem realizar todo esse processo de casa mesmo. Basta ter conexão de qualidade com internet que vai ser possível colher essas informações do app.

É preciso deixar claro que não é possível fazer qualquer tipo de inscrição no Auxílio Brasil através deste app. Neste primeiro momento, a única função dele é mesmo de consulta. Não existe no Brasil hoje nenhum aplicativo que permita a inscrição no novo Bolsa Família do Governo Federal. É o que dizem os dados oficiais.

E como é que se inscreve?
De acordo com o próprio Palácio do Planalto, o processo de inscrição no Auxílio Brasil não é muito diferente daquele que acontecia com o Bolsa Família. Os dois seguirão levando em consideração as informações do Cadúnico.

Quem quer entrar no Auxílio Brasil precisa prestar atenção se as informações deste Cadúnico estão atualizadas. Se não estiverem, é preciso atualizar esses dados em um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

Problemas no aplicativo
Nos últimos dias, usuários estão reclamando de problemas para acessar o app oficial do Auxílio Brasil. O programa novo foi lançado há alguns dias. Aparentemente a alta procura está fazendo o sistema ficar instável.

De qualquer forma, é importante lembrar que esse app não tem a função de inscrever ninguém no Auxílio Brasil e nem em qualquer outro programa social. A função dele é unicamente servir como material de consulta de dados para os próprios usuários.

Auxílio Brasil
O plano do Governo Federal é começar os pagamentos do Auxílio Brasil ainda neste mês de novembro. Neste primeiro momento, o valor médio vai ser de R$ 217. Mas a ideia é subir isso para a casa dos R$ 400 no mínimo.

Para que isso aconteça, no entanto, o Governo vai ter que aprovar a PEC dos Precatórios no Senado Federal. O texto até passou pelo crivo da Câmara dos Deputados mas agora se encontra no Senado Federal. Por lá, aliás, ele também precisa ser aprovado em dois turnos.


Com informações do site: NOTÍCIAS CONCURSOS