terça-feira, 30 de novembro de 2021

Aluguel ficará mais caro em dezembro


 
Foto: Reprodução
Quem mora de aluguel precisa se preparar para o reajuste que está previsto para acontecer em dezembro, de acordo com o IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado). O Índice prevê um reajuste de 17,89% nos contratos de aluguéis no Brasil, o que tornará a moradia ainda mais cara no país em 2022.
 
Com esse aumento, quem paga um aluguel hoje no valor de R$ 600, passará a pagar R$ 707,34, ou seja, R$ 107,34 a mais. Em alguns estados, esse é o valor pago por um botijão de gás.
 
Se não houver um novo aumento, o morador que vive em casa alugada pagará em 2022 um total de R$ 1.288.08 a mais no aluguel se comparado a 2021, levando em consideração o valor de R$ 600.

Com informações do site: BR104