quarta-feira, 6 de outubro de 2021

Saque do FGTS é liberado para grupo de trabalhadores; veja como funciona


 
Foto: Reprodução

 Nesta sexta-feira (01/10), o saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) foi liberado para as pessoas que nasceram no mês de outubro. Os depósitos foram liberados somente para quem aderiu à modalidade antes do início dos pagamentos do mês.

Auxílio emergencial não está na sua conta do Caixa Tem? Saiba o que fazer
Entenda como recuperar benefícios atrasados do INSS
Vale lembrar que o saque-aniversário foi criado como uma opção de sacar parcialmente o dinheiro do FGTS. A ideia do governo, ao difundir a modalidade, foi a de proporcionar uma renda extra ao trabalhador. Geralmente, o FGTS só é pago em caso de demissões sem justa causa e outros casos previstos em lei. Os repasses são realizados pela Caixa.

Confira os valores do saque-aniversário
Como informado, os valores do saque-aniversário são parciais. O dinheiro é liberado conforme a quantidade de recursos disponível nas contas do beneficiário. Por isso, existe uma regra que determina a porcentagem de dinheiro. Veja:

Até R$ 500,00: 50,0%;
De R$ 500,01 até R$ 1.000,00: 40,0%;
De R$ 1.000,01 até R$ 5.000,00: 30,0%;
De R$ 5.000,01 até R$ 10.000,00: 20,0%;
De R$ 10000,01 até R$ 15.000,00: 15,0%;
De R$ 15.000,01 até R$ 20.000,00: 10,0%;
Acima de R$ 20.000,01: 5,0%.
Além da porcentagem prevista, beneficiários que possuem mais de R$ 1.000,01 em suas contas ainda podem contar com um valor extra, conforme a lei prevê.

Como aderir ao saque-aniversário
Para aderir ao saque-aniversário, o beneficiário do FGTS precisa seguir as instruções listadas abaixo:

Baixa o aplicativo do FGTS (Android ou iOS);
Depois, entre em sua conta por meio login e senha. Se ainda não for cadastrado, se inscreva de forma gratuita;
Em seguida, toque em “Meu FGTS”;
Haverá a opção “Saque-aniversário”. Vá nela;
Após alguns segundos, uma nova página se abrirá. Um longo texto contendo os termos e condições do saque-aniversário deve ser lido;
Caso concorde, aperte em “concordo”;
Depois, clique em “aderir Saque-aniversário”;
Pronto. Todo mês em que fizer aniversário, a Caixa Econômica Federal fará o pagamento do saque-aniversário do FGTS, de acordo com a tabela que citamos anteriormente.
O interessado ainda conta com a opção de antecipar o saque-aniversário. Entretanto, taxas e juros são cobrados para a operação. Caso opte pelo pagamento normal, não há incidência de cobranças.

Com informações do site: Confira os valores do saque-aniversário Como informado, os valores do saque-aniversário são parciais. O dinheiro é liberado conforme a quantidade de recursos disponível nas contas do beneficiário. Por isso, existe uma regra que determina a porcentagem de dinheiro. Veja: Até R$ 500,00: 50,0%; De R$ 500,01 até R$ 1.000,00: 40,0%; De R$ 1.000,01 até R$ 5.000,00: 30,0%; De R$ 5.000,01 até R$ 10.000,00: 20,0%; De R$ 10000,01 até R$ 15.000,00: 15,0%; De R$ 15.000,01 até R$ 20.000,00: 10,0%; Acima de R$ 20.000,01: 5,0%. Além da porcentagem prevista, beneficiários que possuem mais de R$ 1.000,01 em suas contas ainda podem contar com um valor extra, conforme a lei prevê. Como aderir ao saque-aniversário Para aderir ao saque-aniversário, o beneficiário do FGTS precisa seguir as instruções listadas abaixo: Baixa o aplicativo do FGTS (Android ou iOS); Depois, entre em sua conta por meio login e senha. Se ainda não for cadastrado, se inscreva de forma gratuita; Em seguida, toque em “Meu FGTS”; Haverá a opção “Saque-aniversário”. Vá nela; Após alguns segundos, uma nova página se abrirá. Um longo texto contendo os termos e condições do saque-aniversário deve ser lido; Caso concorde, aperte em “concordo”; Depois, clique em “aderir Saque-aniversário”; Pronto. Todo mês em que fizer aniversário, a Caixa Econômica Federal fará o pagamento do saque-aniversário do FGTS, de acordo com a tabela que citamos anteriormente. O interessado ainda conta com a opção de antecipar o saque-aniversário. Entretanto, taxas e juros são cobrados para a operação. Caso opte pelo pagamento normal, não há incidência de cobranças." target="_blank">tudobahia