sábado, 30 de outubro de 2021

PIX Ganha novas mudanças importantes que começa a valer hoje para todos os usuários.


 
Foto: Reprodução
A terceira etapa do open banking começa a valer nesta sexta-feira (29) para todos os usuários que utilizam a transferência financeira Pix. A novidade permite a troca de dados de clientes e de informações de instituições financeiras. O objetivo dessa nova etapa é simplificar as transações realizadas através de compras online.

Entenda a mudança

A nova mudança que começa a valer nesta sexta diz respeito ao compartilhamento de informações para os serviços de transações de pagamento, logo, as instituições financeiras do mercado poderão trocar dados de clientes para a realização de um pagamento.

A mudança é pequena, mas significa modernidade ao sistema financeiro. Logo, a partir de hoje, as usuários poderão realizar pagamentos via Pix em sites de e-commerce sem precisar acessar o aplicativo do banco.

Por exemplo, quando um cidadão utilizava um aplicativo de delivery como o iFood, por exemplo, para comprar algum alimento e optava por pagar via Pix, uma chave aleatória, QR Code era criada, assim, o usuário copiava essa chave, sendo obrigado a sair do aplicativo e abrir o app do banco para realizar o pagamento e posteriormente voltar para o aplicativo iFood para verificar se a compra deu certo.

Agora isso não será mais preciso, isso porque, ao escolher o pagamento via Pix, o usuário informará a sua chave Pix ao iFood, por exemplo, e pela chave do usuário a própria plataforma se encarregará de efetuar o pagamento, acionando o banco para a realização do débito, assim o usuário terá mais comodidade e facilidade em suas transações. 

É importante pontuar que antes da efetivação do pagamento um comunicado detalhado será enviado ao usuário para que a compra seja realizada pelo correntista e o saldo, seja descontado da conta para a compra.

Próximas mudanças

A terceira fase do open banking não é a última e está ocorrendo em etapas, até que tudo seja testado, validado e aprovado pelos usuários.

Confira quais serão as próximas mudanças e suas respectivas datas:

15 de dezembro de 2021

Inicio da quarta fase do open banking e ocorrerá troca de informações entre as instituições sobre os demais produtos financeiros, como câmbio, investimentos, previdência e seguros

15 de fevereiro de 2022

Compartilhamento de serviços de transferências entre contas do mesmo banco e TED

30 de março de 2022

Compartilhamento do envio de propostas de operações de crédito a clientes que aderirem ao open banking

31 de maio de 2022

Compartilhamento de dados de clientes sobre demais operações financeiras, como câmbio, investimentos, previdência e seguros

30 de junho de 2022

Compartilhamento de serviços de pagamento por boleto

30 de setembro de 2022

Compartilhamento de serviços de débito em conta

O que é o Open Banking
O open banking, ou ainda sistema financeiro aberto se trata de uma possibilidade de clientes de produtos e serviços financeiros permitirem o compartilhamento de suas informações entre diferentes instituições autorizadas pelo Banco Central.

É um serviço criado para simplificar as relações entre bancos e clientes, padronizar o processo de compartilhamento de dados no Sistema Financeiro Nacional, ampliar a competitividade e baratear serviços.

Com informações do site: REDE BRASIL