segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Saque-aniversário do FGTS pode ser antecipado em até 3 anos. Confira


 


Foto: Reprodução

Dentre as situações específicas que permitem o regate do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), está o saque-aniversário. Tal modalidade permite a retirada parcial do saldo presente na conta vinculada, todo ano. 

Como o próprio nome já sugere, na modalidade o saque pode ser realizado a partir do primeiro dia útil do mês de aniversário até o segundo mês subsequente, ou seja, o cidadão tem prazo de 3 meses para sacar. Como via de exemplo, se um determinado indivíduo nasceu em agosto, ele terá até 29 de outubro (último dia útil) para realizar a retirada do saldo. 

Em decorrência da persistência da pandemia do covid-19, hoje é permitido antecipar até 3 parcelas anuais do saque-aniversário do FGTS. Este procedimento funciona como um empréstimo ao cidadão interessado e já está disponível em diversos bancos. 

Conforme a Caixa Econômica Federal, o débito gerado na antecipação contará com juros mensais de 1,09%. Esta referida taxa é uma das baixas quando comparada ao que cobrado pelas demais instituições do mercado neste tipo de operação financeira. 

Como adiantar o saque-aniversário
Para poder solicitar a antecipação das parcelas anuais, primeiramente é preciso aderir ao saque-aniversário, já que esta trata-se de uma modalidade opcional para o resgate parcial do FGTS. Isto pode ser realizado através dos seguintes canais: 

Aplicativo do FGTS;
Site da Caixa; 
Internet Banking da Caixa; 
Agências do banco. 
Separamos aqui, um passo a passo para facilitar o processo de quem estar interessado em migrar para o saque-aniversário. Confira: 

Acesse o aplicativo do FGTS ou site da Caixa;
Vá em  “Meu FGTS”;
Clique na opção “Saque-aniversário”;
Feito isso, basta selecionar a opção “aderir Saque-aniversário”.
Assim sendo, para antecipar as parcelas, basta procurar algum banco onde a operação é disponível, algumas opções são a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú Unibanco, Safra, BMG, Sicredi e C6 consignado. 

Qual valor posso retirar no saque-aniversário do FGTS?
Vale enfatizar que o saque-aniversário não permite a retirada do saldo integral, e sim um percentual do valor total o qual irá variar conforme a quantia em conta. Além disso, ainda terá uma parcela adicional para saldos R$ 500,01 adiante, que também irá oscilar. Confira: 

Saldo no FGTS Percentual para o saque Parcela adicional
R$ 500 50%
R$ 500,01 até R$ 1.000 40% R$ 50
R$ 1.001,01 até R$ 5.000 30% R$ 150
R$ 5.000,01 até R$ 10 mil 20% R$ 650
R$ 10.000,01 até R$ 15 mil 15% R$ 1.150
R$ 15.000,01 até R$ 20 mil 10% R$ 1.900
Acima de R$ 20 mil 5% R$ 2.900
É vantajoso optar pelo saque-aniversário?
Diante do atual cenário de instabilidade do país, contar com uma renda extra no mês de aniversário pode ser algo bem vantajoso, apesar de não ser possível a retirada do saldo total do FGTS. 

Contudo, é importante pontuar que ao optar pelo saque-aniversário, perde-se o direito ao saque-rescisão em uma eventual demissão sem justa causa, podendo somente retornar para o formato mais tradicional após 24 meses (2 anos). 

Com informações do site: NOMEDOSITECOMLINKCLICAVEL, NOME DO AUTOR