sábado, 18 de setembro de 2021

Prazo da prova de vida acaba no próximo dia 30; confira como fazer o recadastramento


 
Foto: Reprodução

Aposentados e pensionistas do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ), e demais autarquias, têm até 30 de setembro para fazer o recadastramento anual. O procedimento, no caso do TRT, pode ser feito via postal ou pela internet.

No caso dos aposentados, será preciso acessar o sistema Ergon on-line usando código funcional e senha para conferir os dados cadastrados. Já os pensionistas farão o recadastramento pelo Balcão Virtual, por meio de videoconferência em dia e horário previamente agendados.

Os que desejarem realizar o procedimento via postal deverão imprimir o formulário no sistema Ergon on-line, preenchê-lo e reconhecer firma em cartório. Depois, será preciso enviar a documentação, preferencialmente por Sedex, para a Seção de Atendimento a Magistrados e Servidores (Semase): Avenida Presidente Antônio Carlos 251, 3º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, 20.020-010.

Prova de vida referente a 2020
Os demais aposentados e pensionistas e anistiados polítiicos civis da União também têm até 30 de setembro para realizar a prova de vida referente ao ano de 2020 e ao período de janeiro a junho de 2021.

Para provar que está vivo, o beneficiário pode fazer a prova de vida digital, caso tenha a biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), ou comparecer ao banco onde recebe o pagamento. Neste caso é necessário levar documento de identificação com foto.

Os que desejarem realizar o procedimento via postal deverão imprimir o formulário no sistema Ergon on-line, preenchê-lo e reconhecer firma em cartório. Depois, será preciso enviar a documentação, preferencialmente por Sedex, para a Seção de Atendimento a Magistrados e Servidores (Semase): Avenida Presidente Antônio Carlos 251, 3º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, 20.020-010.

Prova de vida referente a 2020
Os demais aposentados e pensionistas e anistiados polítiicos civis da União também têm até 30 de setembro para realizar a prova de vida referente ao ano de 2020 e ao período de janeiro a junho de 2021.

Para provar que está vivo, o beneficiário pode fazer a prova de vida digital, caso tenha a biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), ou comparecer ao banco onde recebe o pagamento. Neste caso é necessário levar documento de identificação com foto.

Pelo aplicativo gov.br
Para a prova de vida digital, o beneficiário precisa ter instalado no celular os aplicativos SouGov.br e gov.br. Quem tem o app Meu gov.br instalado, precisa atualizar a versão na loja de aplicativos do celular para a realização da prova de vida digital com sua identificação na conta gov.br.

O procedimento será iniciado pelo SouGov.br e, em seguida, deverá ser realizada a validação facial no aplicativo gov.br. Na nova versão, o serviço “Prova de Vida” vai te auxiliar no passo a passo das etapas seguintes, todas serão indicadas na tela do celular.

Independente do canal em que foi realizada da comprovação de vida, o beneficiário pode acompanhar a situação no aplicativo ou versão web do gov.br. Além disso, pode obter o comprovante e receber notificações para lembrar o prazo para realização do recadastramento.

Com informações do site: extra