terça-feira, 21 de setembro de 2021

Ministério da Economia autoriza seleção para a Funai com mais de 700 vagas


 
Foto: Reprodução
O Ministério da Economia autorizou a realização de um novo processo seletivo para contratação temporária de pessoal para a Fundação Nacional do Índio (Funai). O aval foi publicado por meio de uma portaria no Diário Oficial da União desta terça-feira (21/9).

De acordo com o documento, a Fundação poderá “contratar, por tempo determinado, o quantitativo máximo de 776 profissionais para atender necessidade temporária de excepcional interesse público”.

Serão ofertadas oportunidades nos seguintes cargos: 50 vagas para supervisor dos agentes de proteção etnoambiental; 121 para chefe dos agentes de proteção etnoambiental; e 605 para agente de proteção etnoambiental.  

Apesar dos níveis exigidos para cada função não terem sido revelados, compreende-se que profissionais de nível superior devem ocupar os cargos de chefia enquanto os de nível médio podem se candidatar ao cargo de agente.  

Os contratos terão duração de seis meses, podendo ser prorrogados por até dois anos. 

Concurso Público

No primeiro semestre deste ano, a Funai enviou um pedido ao ME para realizar um concurso público com 1.046 vagas, sendo 369 de nível superior e 675 de nível intermediário. E, segundo o órgão, esse número equivale apenas ao provimento de aproximadamente 42% do total de cargos vagos.

Com informações do site: CORREIO BRASILIENSE