sexta-feira, 10 de setembro de 2021

Folha dos aposentados do INSS em setembro; veja quem recebe hoje


 
Foto: Reprodução

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) iniciou no dia 25/08 o depósito da folha de pagamento dos benefícios de agosto para quem recebe até um salário mínimo. Conforme o calendário do INSS, os aposentados e pensionistas irão receber o benefício do mês 08 entre 25 de agosto e 8 de setembro.

A tabela de pagamento do INSS para agosto iniciou pelos segurados que recebem benefício de até um salário mínimo. Já para quem recebe benefício acima do piso nacional (R$ 1.100), o pagamento ocorre entre 1 e 8 de setembro.

Nesta semana, o órgão conclui o pagamento para os segurados que recebem até um salário mínimo, com depósitos na segunda-feira (6) para quem tem NIS final 9 e na quarta-feira (8) para NIS final 0.

Para quem recebe acima desse valor (R$ 1.100) o INSS liberou no dia 6 de setembro o benefício para aposentados e pensionistas com NIS final 4 e 9 e recebem nesta quarta-feira (8) os segurados com NIS final 5 e 0, concluindo os pagamentos do INSS na segunda semana de setembro.

Desde o mês de julho os segurados do INSS voltaram a receber na conta somente o valor habitual do benefício. Diferente dos meses de maio e junho, quando o governo federal decidiu pagar o 13º do INSS adiantado.

O abono foi pago aos aposentados e pensionistas em duas parcelas, sendo que a 2ª parte depositada em junho teve desconto do Imposto de Renda. O pagamento do 13º obedeceu o mesmo calendário de depósitos do INSS em 2021.

Prova de vida ainda está valendo
Apesar do Congresso Nacional ter aprovado a suspensão da prova de vida até o fim de 2021, o procedimento segue sendo obrigatório para aposentados e pensionistas. Isso porque a lei foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro com veto a suspensão do procedimento, que seguirá ocorrendo conforme o calendário da prova de vida divulgado anteriomente.

Segundo o relator da proposta no senado, o parlamentar Jorge Kajuru (Podemos-GO), até meados de junho mais de 23 milhões de segurados já haviam realizado a comprovação de vida. Os dados colhidos do INSS indicavam que em torno de 12,3 milhões ainda precisavam realizar o procedimento para não perder o benefício.

Porém, em justificativa ao veto da suspensão da prova de vida o presidente Jair Bolsonaro alegou que já existem diversos meios para realizar o procedimento, inclusive com prazo escalonado. "A suspensão implicaria a manutenção e o pagamento indevido de benefícios que deveriam ser cessados", justificou.

Assim, é importante ficar atento pois o prazo de comprovação. Para os segurados cuja prova de vida venceu nos meses de setembro e outubro de 2020 vai até 30 de setembro.

Retomada em junho deste ano, a prova de vida do INSS é obrigatória para todos que recebem benefícios por meio de conta corrente, poupança ou cartão magnético. A comprovação é fundamental para que o segurado não tenha o benefício bloqueado ou suspenso.

Para organizar o procedimento e não gerar aglomerações, o INSS divulgou um calendário da prova de vida em 2021. O cronograma foi retomado em junho e seguirá até agosto de 2022, conforme o mês de vencimento da comprovação de vida do beneficiário.

Competência de vencimento da comprovação      Competência da retomada da rotina
                    março e abril/2020                                         junho/2021
                    maio e junho/2020                                         julho/2021
                    julho e agosto/2020                                     agosto/2021
                    setembro e outubro/2020                             setembro/2021
                    novembro e dezembro/2020                         outubro/2021
                    janeiro e fevereiro/2021                                 novembro/2021
                    março e abril/2021                                         dezembro/2021
                    maio e junho/2021                                          janeiro/2022
                    julho e agosto/2021                                         fevereiro/2022
                    setembro e outubro/2021                             março/2022
                    novembro e dezembro/2021                         abril/2022
                    janeiro e fevereiro/2022                                 maio/2022
                    março e abril/2022                                         junho/2022
                    maio e junho/2022                                         julho/2022
                    julho/2022                                                     agosto/2022

Além da prova de vida nas agências bancárias, os segurados do INSS também podem realizar a comprovação por meio do aplicativo Meu INSS. Quem teve o benefício suspenso ou cessado por falta da prova de vida poderá fazer a comprovação diretamente no app Meu INSS, desde que o segurado possua biometria facial cadastrada no bancos de dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento de Trânsito (Detran).

Se optar por fazer a prova de vida no aplicativo Meu INSS o segurado terá o benefício reativado na hora, sem necessidade de comparecer a uma agência bancária ou do INSS. Já para os grupos que ainda não podem realizar a prova de vida por biometria, o instituto atualizou as mensagens de orientação com o intuito de esclarecer o que o segurado deve fazer para realizar o procedimento.

Como fazer a prova de vida no Meu INSS
A prova de vida digital do INSS é destinada somente aos segurados escolhidos para participar do projeto, que ainda não está disponível para todos os beneficiários. Dessa forma, aqueles que estiverem aptos a realizar este procedimento serão informados via mensagem de texto (SMS) no celular, e-mail, pelo portal ou pelo aplicativo Meu INSS.

O INSS alerta que enviará o SMS somente pelo número 280-41, qualquer outra mensagem referente a prova de vida de número diferente deve ser desconsiderada. Em caso de dúvidas o beneficiário pode ligar para o número 135 (telefone oficial do INSS). Veja o passo a passo para fazer a prova de vida digital do INSS:

Para fazer a prova de vida por biometria facial o beneficiário deve ter dois aplicativos instalados no smartphone: o Meu INSS (download para Android aqui e iPhone aqui) e o Meu Gov BR (download para Android aqui e iPhone aqui).

Ao abrir o aplicativo Meu INSS, o beneficiário selecionado para fazer a prova de vida digital verá a noticiação "Chegou a hora de fazer sua prova de vida! Faça agora, pelo celular, sem precisar sair de casa";
O app então irá redirecionar o segurado para o aplicativo Meu Gov Br;
No app Meu Gov Br, clique em autorizações e clique para Autorizar a que estiver pendente;
Clique em Realizar Validação para aceitar a autorização;
Clique na opção Permitir para que o aplicativo tenha acesso à câmera do seu celular;
Preencha o dado solicitado para confirmar sua identidade e clique em Prosseguir;
O app vai pedir que você posicione o celular de forma a centralizar o seu rosto no círculo que surgiu na tela. Siga as instruções até que o círculo fique verde;
Após terminar todos os movimentos solicitados pelo app a sua prova de vida digital estará concluída e a mensagem "Validação Facial realizada com sucesso!" será exibida.
Uma notificação será enviada no Meu Gov Br quando o INSS concluir o seu processo de prova de vida.

Com informações do site: Ache Concurso