sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Concurso da PMAL é suspenso; lagartenses são citados em denúncia


 


Foto: Reprodução

Por conta das denúncias de fraudes, o Secretário de Planejamento de Alagoas, Fabrício Marques, suspendeu o edital do concurso da Polícia Militar do Estado. O comunicado oficial foi divulgado no portal da Cebraspe, a banca organizadora do certame.

No documento divulgado no portal da banca organizadora, é descrito que o concurso PM de Alagoas se encontra suspenso por conta dos procedimentos de investigação acerca das denúncias de fraudes.

“Tornam público, ainda, que, se, a qualquer tempo, for constatado por meio eletrônico, estatístico, visual, grafológico ou por investigação policial, foram utilizados meios ilícitos durante as provas, estas serão anuladas e haverá eliminação do concurso público”, afirmou o secretário no texto.









As suspeitas de fraudes

De acordo com informações, estão entre as suspeitas de fraude a aprovação de 750 pessoas de fora do estado de Alagoas, sendo 150 somente da cidade de Lagarto. O edital disponibilizou 1.000 vagas.

Outro caso que chamou a atenção foi a prisão de um aprovado no concurso que, segundo os policiais, não possuía qualquer capacidade de ter sido aprovado em qualquer uma das provas.



Com informações do site: Lagartense