segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Como fazer a antecipação do auxílio emergencial 2021 pelo Pix?


 
Foto: Reprodução

Além de movimentar o dinheiro através do Caixa Tem, os beneficiários podem fazer a antecipação do auxílio emergencial 2021 utilizando o Pix. Esta ferramenta foi criada pelo Banco Central e não possui custos adicionais, então, o beneficiário tem acesso ao valor total do seu benefício.

É importante ressaltar que essa opção está disponível não apenas para os cidadãos inscritos no Bolsa Família, mas também para aqueles que integram o público geral e que recebem o auxílio emergencial em duas etapas diferentes.

Neste caso, o Pix pode ser utilizado para antecipar o recebimento do dinheiro que for depositado na conta poupança social digital. Quer saber como isso é possível? Continue conosco!

Como fazer a antecipação do auxílio emergencial pelo Pix?
Dentre as funcionalidades do aplicativo Caixa Tem está o sistema de pagamento instantâneo do Banco Central do Brasil, que pode ser utilizado após o benefício ser creditado pela Caixa Econômica Federal. Então, a dica é acompanhar o calendário de pagamentos para saber quando você receberá a 6ª parcela do auxílio emergencial.

Depois, o processo de antecipação do auxílio emergencial 2021 consiste em transferir o dinheiro que está na conta poupança social digital do beneficiário para outra conta, utilizando o Pix. Mas é importante ressaltar que o valor desejado somente pode ser enviado para uma conta que não tenha a mesma titularidade do beneficiário.

Sendo assim, é preciso enviar o dinheiro para a conta de um parente ou amigo, para depois, fazer o saque do benefício. Essa restrição foi adotada para evitar descontos que possam reduzir o valor recebido pelo beneficiário. 

Mas atenção: se você optar por essa opção de antecipação do seu dinheiro, não faça a transferência para pessoas desconhecidas. Vale ressaltar ainda que, atualmente, só é possível fazer transferências de até R$ 600. As operações diárias não podem ser maiores que R$ 1.200, segundo a Caixa Econômica Federal.

Como transferir dinheiro do Caixa Tem para o Pix?
Para você fazer a antecipação do auxílio emergencial 2021 através do Pix, é preciso acessar o Caixa Tem com seus dados pessoais, como CPF e a senha. Depois, busque pela opção Pix e será aberta uma tela com tutoriais para te explicar como funciona essa ferramenta.

PIX

Caso já saiba tudo sobre essa funcionalidade, siga os seguintes passos:

clique em “Pagar”,
identifique quem vai receber a quantia de dinheiro, clicando na opção “chave Pix”,
informe os dados solicitados, que podem ser, por exemplo, o Telefone, CPF/CNPJ, Email da pessoa que receberá o dinheiro ou ainda uma chave aleatória que é registrada pelo próprio sistema,
informe o valor que pretende transferir e quando deseja fazer o pagamento,
Após esse procedimento, será apresentado um resumo do pagamento. Então, confira todos os dados e clique em “efetuar o pagamento” se tudo estiver correto. Nessa etapa, você será direcionado para outra página onde deve registrar sua senha do Caixa Tem. Com isso, será liberado o comprovante de pagamento. 

Você também pode registrar suas chaves para fazer a movimentação clicando na opção “Pix” e, em seguida, toque em “vamos lá” para começar o procedimento. Depois, selecione a chave que você quer registrar  e clique em “cadastrar chaves selecionadas”. Informe novamente a sua senha do Caixa Tem e veja a confirmação do procedimento. Vale ressaltar que a chave cadastrada não pode ter sido registrada em outra instituição bancária.

Quando posso fazer Pix do auxílio emergencial?
A antecipação do auxílio emergencial 2021 através do Pix está disponível desde abril deste ano, portanto, é possível fazer o Pix na mesma data que o dinheiro for depositado em conta poupança social digital. Então, para utilizar essa funcionalidade e ter acesso à 6ª parcela do auxílio emergencial que está sendo pago neste mês, confira quando você vai receber para poder fazer o Pix: 

Calendário da 6ª parcela para o Bolsa Família 
22 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 4
23 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 5
24 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 6
27 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 7
28 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 8
29 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 9
30 de setembro – recebem os beneficiários com NIS de final 0

Calendário da 6ª parcela do público geral 
Nascidos em Fevereiro: recebem dia 22 de setembro
Nascidos em Março: recebem dia 23 de setembro
Nascidos em Abril: recebem dia  24 de setembro
Nascidos em Maio: recebem dia 25 de setembro
Nascidos em Junho: recebem dia 26 de setembro
Nascidos em Julho: recebem dia 28 de setembro
Nascidos em Agosto: recebem dia 29 de setembro
Nascidos em Setembro: recebem dia 30 de setembro
Nascidos em Outubro: recebem dia1º de outubro
Nascidos em Novembro: recebem dia2 de outubro
Nascidos em Dezembro: recebem dia 3 de outubro

Com informações do site: DCI