segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Bradesco lança cartão de crédito DIN a mais nova solução para negativados; pode ser solicitado pela internet sem comprovação de renda; Confira.


 
Foto: Reprodução

Consumidores negativos muitas vezes lutam para obter um cartão de crédito e, por isso, eles não podem comprar o que precisam. Pensando nesse público, o Bradesco lançou o cartão pré-pago Bradesco DIN, que é aceito mundialmente e a solicitação pode ser feita na Internet de forma descomplicada.

O cartão pode ser solicitado de forma simples e rápida, pois não é necessário comprovar a renda e o nome do solicitante não é consultado nos órgãos de proteção ao crédito. 

O DIN tem a função de crédito, no entanto, as despesas são debitadas do saldo do cartão de crédito.

Anuidade 

Quem solicitar este cartão pode ter certeza de que ele tem apenas uma taxa recorrente. Uma taxa de R$10 será cobrada apenas uma vez e será descarregada no primeiro depósito.

Essa taxa é o custo de produção e envio do cartão ao cliente. Outra cobrança é de R$ 2,99 por mês, mas somente quando o cartão tiver saldo.

Vantagens do cartão Bradesco DIN
Pedido sem burocracia pelo celular
Indicado para negativado, pois não há consulta ao SPC e SERASA
Compras em locais físicos ou online na função crédito
Não é necessário comprovar a renda
Gerenciamento completo de aplicativos
Pagamento de contas
Saque em caixas eletrônicos no Brasil e no exterior
Sem faturas, as compras são debitadas diretamente do saldo da conta
Recebimento de salário por cartão
Transferências gratuitas e ilimitadas entre contas DIN
Transferências para outros bancos
Cartão disponível no visto ou bandeira elo.

Bradesco

O Banco Bradesco S.A. é um banco brasileiro, constituído na forma de uma empresa, com sede em Osasco, São Paulo. Foi fundada em 10 de março de 1943 em Marília, São Paulo, por Amador Aguiar.

Em 2010, foi o único banco privado brasileiro presente em todos os municípios do país, com pelo menos uma filial ou posto de atendimento em cada uma das 5.564 cidades do Brasil.

Com informações do site: Rede Brasil news