segunda-feira, 2 de agosto de 2021

Quando sai a 5ª parcela do auxílio emergencial 2021? Veja as datas


 
(Foto: Reprodução)
A 5ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa a ser paga em agosto. Beneficiários do Bolsa Família vão receber primeiro, como nos outros meses, a partir do dia 18.

O calendário segue conforme o número final do NIS (Número de Identificação Social) que consta no cartão do Bolsa Família.

A Caixa ainda não divulgou o cronograma para o público em geral. No entanto, se levar em consideração o padrão das primeiras parcelas, o benefício será pago logo depois de cair o auxílio para beneficiários do Bolsa Família.

Qual a previsão de sair a 5ª parcela do auxílio emergencial 2021?

Para quem não recebe pelo Bolsa Família, a expectativa é que os valores também sejam depositados em agosto, setembro e outubro.

Ainda nesta semana o Governo Federal e a Caixa devem divulgar o cronograma de pagamento da quinta parcela do auxílio emergencial 2021.

O presidente da Caixa chegou a dizer que os beneficiários serão informados do calendário pelo WhatsApp.

Uma conta verificada da Caixa vai mandar uma mensagem para quem está com o número do celular cadastrado e atualizado no aplicativo Caixa Tem.

Mas atenção: a Caixa ressalta que as mensagens enviadas serão de caráter informativo. Não envie nenhum dado pessoal nem compartilhe senhas.

Calendário da 5ª parcela – Bolsa Família – 5ª parcela do auxílio emergencial

O pagamento da quinta parcela do auxílio emergencial 2021 para beneficiários do Bolsa Família começa dia 18 e termina em 30 de agosto.

O cronograma segue a ordem do final do NIS (Número de Identificação Social) que consta no cartão do seu benefício.

Quem recebe o auxílio emergencial pelo Bolsa Família tem o calendário de pagamento divulgado no início do ano pelo Governo Federal.

Além de ter acesso à parcela antes do público em geral, os beneficiários podem sacar o valor desde a data da liberação. Ao contrário do restante que precisa esperar o cronograma de saque.

Veja abaixo:

NIS terminado em: 1 – 18/08
NIS terminado em: 2 – 19/08
NIS terminado em: 3 – 20/08
NIS terminado em: 4 – 23/08
NIS terminado em: 5 – 24/08
NIS terminado em: 6 – 25/08
NIS terminado em: 7 – 26/08
NIS terminado em: 8 – 27/08
NIS terminado em: 9 – 30/08
NIS terminado em: 0 – 31/08

Até quando vai o pagamento do auxílio emergencial?

A prorrogação do benefício foi anunciada no início do mês. Julho seria a última parcela do auxílio emergencial, no entanto, devido a nova onda de covid e a demora na vacinação, o Ministério da Economia achou por bem prorrogar.

Com a extensão, o auxílio emergencial 2021 será pago até o mês de outubro, totalizando sete parcelas, em vez das quatro anunciada em abril.

A previsão é de que até outubro, a maior parte da população adulta já esteja vacinada e assim a economia possa ser retomada.

Calendário da 6ª parcela – Bolsa Família 

NIS terminado em: 1 – 17/09
NIS terminado em: 2 – 20/09
NIS terminado em: 3 – 21/09
NIS terminado em: 4 – 22/09
NIS terminado em: 5 – 23/09
NIS terminado em: 6 – 24/09
NIS terminado em: 7 – 27/09
NIS terminado em: 8 – 28/09
NIS terminado em: 9 – 29/09
NIS terminado em: 0 – 30/09

Calendário da 7ª parcela – Bolsa Família 

NIS terminado em: 1 – 18/10
NIS terminado em: 2 – 19/10
NIS terminado em: 3 – 20/10
NIS terminado em: 4 – 21/10
NIS terminado em: 5 – 22/10
NIS terminado em: 6 – 25/10
NIS terminado em: 7 – 26/10
NIS terminado em: 8 – 27/10
NIS terminado em: 9 – 28/10
NIS terminado em: 0 – 29/10

Quais são os valores da prorrogação do auxílio emergencial 2021? 

Apesar do Governo Federal confirmar a extensão do benefício, os valores do auxílio emergencial assim como as regras para quem recebe permanecem os mesmos.

Desde abril, o auxílio é pago mensalmente dependendo do perfil de família. Neste ano, apenas uma família recebe o benefício. Os valores variam entre R$ 150,00, R$ 250,00 e R$ 375,00.

Veja o valor da extensão do auxílio emergencial 2021:
  • R$ 150,00: família composta por apenas uma pessoa;
  • R$ 250,00: família composta por mais de uma pessoa;
  • R$ 375,00: família chefiada por mulher, sem cônjuge ou companheiro, com pelo menos uma pessoa com idade menor de 18 anos.
Como movimentar o dinheiro do auxílio emergencial – 5ª parcela do auxílio emergencial 
Para os beneficiários do Bolsa Família, o auxílio emergencial pode cair direto no cartão do programa social ou no cartão Cidadão.

Quem recebe pelo Bolsa Família não precisa esperar sair o calendário de saque, isso porque a Caixa autoriza os beneficiários deste grupo específico a movimentarem e sacarem o valor assim que depositado.

Os demais públicos têm calendário diferenciado. Além de data de liberação do auxílio emergencial, a Caixa também só permite que o benefício seja sacado cerca de duas semanas depois. O mesmo vale para transferências para outra conta bancária.

No entanto, desde que o dinheiro é liberado, o beneficiário pode pagar contas, boletos e fazer compras pelo aplicativo Caixa Tem, direto no celular.

Com informações do site: DCI