sexta-feira, 27 de agosto de 2021

INSS: quem tem direito à revisão da pensão por morte? Entenda


 


Foto: Reprodução

Não é nada fácil lidar com a morte, ainda mais quando se trata de um chefe de família, o principal sustento da residência.

E a pergunta que fica: quem tem direito à pensão por morte? Se não houver filhos ou cônjuge, os pais do segurado que morreu podem pedir a pensão, desde que comprovem a sua contribuição para a Previdência Social.

Tire as principais dúvidas sobre o tema
O que é pensão por morte? A pensão por morte é um benefício previdenciário pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aos dependentes de um trabalhador que morreu ou que teve sua morte declarada pela Justiça, como ocorre em casos de desaparecimento.

Quem tem direito de receber? Quem tem esse direito adquirido são os filhos até 21 anos de idade, salvo casos de invalidez ou deficiência (nessas situações, recebem a vida toda).

Ou ainda, para marido ou mulher, companheiro(a) em união estável, cônjuge divorciado ou separado judicialmente que recebia pensão alimentícia. Em certos casos, se não houver filhos ou cônjuge, os pais do segurado que morreu podem pedir a pensão, desde que comprovem dependência econômica.

Como solicitar a pensão por morte? O benefício pode ser pedido pelo site “Meu INSS”, pelo aplicativo “Meu INSS” (disponível para iOS e Android) ou pelo telefone 135.

Com informações do site: Capitalist