segunda-feira, 9 de agosto de 2021

Empréstimo Bolsa Família: Regras, Simulação e Como Funciona!


 


Foto: Reprodução

Além do Bolsa família oferecer o auxílio financeiro a população brasileira que está em situação de pobreza e extrema pobreza, é possível realizar um empréstimo Bolsa Família. 

Você vai ver a seguir como pode ser simples conseguir um empréstimo sendo usuário do Bolsa Família. O melhor: de forma segura, eficiente e descomplicada!

Sobre o programa Bolsa Família 
O Bolsa Família é um programa do Governo Federal que visa a distribuição de renda. O intuito do programa é atingir as famílias que se encontram no estado de pobreza e extrema pobreza.

O Programa foi instituído em 20 de outubro de 2003, pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por meio da medida provisória 132, que foi convertida em lei no dia 9 de janeiro de 2004, através da lei federal n. 10.836.

Antes da data de implantação do benefício, já havia outros programas de transferência de renda e por conta disso, houve a unificação e ampliação do projeto. 

Mais de 14 milhões de famílias recebem o benefício do programa federal, atualmente. O valor médio recebido é de R$ 186,00 que é entregue para pessoas que não possuem ou não conseguem possuir emprego fixo.

O Governo Federal investe no programa ao todo cerca de R$ 2 bilhões de forma mensal. O Bolsa Família é o maior programa de auxílio em nosso país.

Ele é o responsável por garantir melhores condições de vida para milhares de famílias, com um determinado valor mensal. Sendo assim, crianças e adultos podem está de forma mais integrada na sociedade. 

Seguindo este objetivo, o Governo entende que existem famílias que precisam mais que outras. Por isso, o valor do benefício a ser recebido é distribuído entre elas de acordo com cada tipo de benefício em que cada família se encontra. 

Como funciona e quem direito ao Bolsa Família?
Apenas as famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza tem o direito de participar do programa e como consequência, receber o empréstimo Bolsa Família. O valor do benefício varia entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por família.

Já as famílias extremamente pobres, possuem uma renda de até R$ 89,00 por pessoa. Os que são considerados pobres só podem participar do programa se tiverem filhos de até 17 anos ou se a cônjuge estiver grávida. 

As famílias que se encaixam nas regras do programa, precisam se cadastrar no setor responsável pelo Bolsa Família no município onde vivem, conhecido como CRAS.

As famílias também precisam estar inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, para assim receberem o dinheiro. Para realizar a inscrição, é necessário apresentar documentos de identificação.

O Ministério do Desenvolvimento Social, mensalmente faz a seleção das famílias cadastradas utilizando como base, a renda mensal e a composição familiar. As que são aprovadas recebem um cartão para sacar o valor todo mês. Como já mencionado antes, o valor do benefício varia de acordo como perfil da família.

Como funciona o empréstimo Bolsa Família?
Lançada em 2017, o empréstimo Bolsa Família tem como objetivo melhorar as condições das pessoas que estão inscritas no Programa, através de um microcrédito. Com essa quantia, elas podem abrir pequenos negócios e investir na melhoria de vida. 

O empréstimo Bolsa Família é uma grande oportunidade para os que estão castrados. Como muitas pessoas ainda não sabem, essa opção foi criada com o objetivo maior de melhorar as condições de vida desses brasileiros. Então essa solicitação só pode ser feita por quem pretende e precisa de recurso para abrir o seu próprio negócio.

Precisaram também:

Ter um fiador para o empréstimo
Possuir outra renda além do próprio Benefício do Bolsa Família
Está ciente e permitir a visita de representantes legais do programa para avaliação

Através dessa visita, você será avaliado nos quesitos de renda e patrimônio, que são pontos bastante importantes para a aprovação.

Uma das principais características do microcrédito, são as baixas taxas de juros e a agilidade na solicitação. Desde o começo do projeto, o governo separou R$ 3 bilhões de reais para investir nas famílias.

A média emprestada normalmente gira em torno de R$ 3 mil e R$ 4 mil por cada microempreendedor. 

O interessado precisa preencher o cadastro e atender às condições exigidas pelo programa. Caso seja aprovado, ele terá uma taxa de juros pequena, que gera baixo risco de inadimplência.

Quem tem direito ao empréstimo Bolsa Família?
Para solicitar o empréstimo Bolsa Família, é preciso primeiramente, estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

aso você esteja cadastrado no Bolsa Família, já pode solicitar o microcrédito, pois possui cadastro. 

Além disso, para ter direito ao empréstimo Bolsa família é preciso: 

Está com cadastro ativo e sem inadimplências no Bolsa Família
Está com cadastro atualizado no Cadastro Único
Ser considerado de família pobre
Ter todas as crianças e adolescentes com matrículas ativas em escolas
Ter todas as mulheres participando dos programas de saúdes exigidos pelo programa
Como realizar a solicitação do empréstimo?

Estando dentro das regras, você já pode realizar a solicitação do empréstimo Bolsa família. Vale lembrar que este é um processo bem rígido, você precisa está atento a cada procedimento.

O banco responsável pelos pagamentos do benefício é a Caixa Econômica Federal, por isso, é através dele que você terá essa provação.

Fique atento a seguir, como proceder com esse pedido:

Reúna todos os seus documentos e cartão do benefício
Se dirija em uma das agências da Caixa Econômica juntamente com seu fiador e seus respectivos documentos
Encontre um representante do programa e realize sua solicitação

Após esse procedimento, você será avaliado para que possa ser confirmado que você está nas condições do empréstimo Bolsa Família. Então, será estabelecido um prazo para essa avaliação e farão a visita que já foi citada.

Depois que essa visita for feita, você terá que aguardar cerca de 8 dias para que saiba se você foi aprovado ou não. Caso tenha sido, você poderá saber qual valor de crédito estará disponível e quando ficará disponível para retirada.

Documentos necessários para pedir o empréstimo
Os documentos necessários são: 

Identidade e CPF;
Comprovante de residência;
Comprovante de renda;
Carteira de trabalho;
Cartão do benefício;
Inscrição no Cadastro Único.


Valor do empréstimo Bolsa Família 
Dependendo da linha de crédito que foi disponível para cada solicitante, é possível conseguir o valor do empréstimo Bolsa Família entre:

Valor mínimo: R$ 300.00
Valor máximo: R$ 15.000.00

A retirada desse valor é feita através do seu cartão do Bolsa Família.

Com informações do site: fdr