quarta-feira, 25 de agosto de 2021

Contratação de crédito imobiliário na Caixa entenda e contrate o seu


 
Foto: Reprodução
Somente nos cinco primeiros meses do ano, a Caixa Econômica Federal fechou 240,6 mil novos contratos para a contratação de crédito imobiliário. Durante os meses de janeiro até maio, o banco entregou R$ 52,4 bilhões para a concessão de crédito imobiliário.

Com os 240,6 mil novos contratos da Caixa, mais de 962 mil pessoas realizaram o sonho da casa própria neste ano. O Banco divulgou o saldo da sua carteira de crédito imobiliário no primeiro semestre, que até maio somava R$ 523,1 bilhões. O Presidente da Caixa, Pedro Guimarães, acredita que os resultados positivos se devem à liderança da Caixa no setor de financiamento.

Participação da Caixa em crédito imobiliário já é de 68%

O ano de 2021 está sendo mais positivo para Caixa em 2020 e um dos seus triunfos é que o número de brasileiro que estão aderindo aos planos do Banco em crédito imobiliário cresceu em comparação ao ano passado.

Para efeitos de comparação com 2018, ano em que o Brasil ainda não estava em crise, o banco havia disponibilizado R$ 3,8 bilhões. Em 2021, esse número é mais de 112% quando comparado com maio de 2020, motivado pelo avanço da vacinação pelo país e com esforços do Ministério da Economia para estimular a retomada do emprego ainda neste ano.

A orientação do Presidente Pedro Guimarães é aumentar o financiamento imobiliário para recursos próprios, buscando atender os clientes de média renda. Ainda de acordo com o que foi dito pelo Presidente da Caixa, o Banco irá sim continuar atuando em outros segmentos, como o Minha Casa Minha Vida, onde a Caixa é responsável por 99% dos contratos.
A Caixa é considerada pela maior parte da população como o Banco da Habitação. A empresa já gerou pelo menos 450 mil empregos de forma direta e indireta neste ano, cumprindo o objetivo de garantir renda para a população brasileira.

Alternativas do banco para pagar o financiamento do crédito imobiliário

Além da nova modalidade de financiamento, a Caixa também está estreando uma nova modalidade de pagamento das prestações da Casa Própria. Para quem estiver com dificuldades de realizar os pagamentos, é possível ficar pagando apenas 25% do financiamento por 6 meses ou 75% dele por até 3 meses.

Os valores que não forem pagos durante a vigência das parcelas, serão incorporados ao saldo devedor do contrato e depois serão diluídos. Outra opção que está sendo bastante buscada é a suspensão do pagamento do empréstimo por até seis meses, em condições como estar recebendo o Auxílio Emergencial ou com seguro desemprego.

E as novidades não param por aí, ainda mais quando se trata de crédito imobiliário da Caixa. A estatal anunciou que irá fazer um feirão digital, com uma oferta que chegará a até 100 mil imóveis espalhados pelo país. Recentemente o Banco do Brasil realizou um leilão de imóveis, que tinham ofertas mínimas a partir de R$ 10.000,00.

Com informações do site: Notícias Concursos