segunda-feira, 9 de agosto de 2021

Abono PIS/Pasep pago em dobro aos trabalhadores em 2022


 


Foto: Reprodução

O ano de 2021  fugiu muito do que era esperado ainda em 2020, onde imaginávamos um cenário de fim de pandemia, e com tudo voltando ao normal, o que foi de fato o oposto do que era esperado.

Este ano os trabalhadores continuaram afetados pela pandemia, muitos perderam o emprego e outros tantos contando com os benefícios emergenciais e medidas do governo para conseguir se sustentar.

Quando falamos dos trabalhadores temos ainda os principais direitos trabalhistas, que servem como uma injeção de recursos para que o cidadão possa se manter.

Contudo, da mesma forma que muitos programas emergenciais vieram a ser liberados em prol dos brasileiros, os trabalhadores tiveram uma surpresa frente ao abono salarial do PIS/Pasep.

O abono salarial do PIS/Pasep, esperado pelos trabalhadores este ano, referente aqueles que exerceram atividade remunerada por pelo menos 30 dias em 2020 que estava previsto para ser liberado agora no mês de julho foi adiado para o ano que vem.

A decisão ocorreu pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) que em reunião com representantes do governo, das empresas e dos trabalhadores decidiu adiar o pagamento do abono salarial para 2022.

O cronograma de pagamentos do abono salarial referente ao ano-base 2020 seria pago aos trabalhadores entre os meses de julho de 2021e junho de 2021. Contudo, com o adiamento da medida, os trabalhadores vão receber o PIS/Pasep apenas em 2022.

PIS/Pasep em dobro

Até o momento não se sabe ao certo como funcionará o pagamento do abono salarial destinado aos trabalhadores que exerceram atividade remunerada em 2021. O que se sabe apenas é que o abono salarial referente a 2020 será pago em 2022.

Existe sim, a possibilidade de que o abono salarial 2021 também seja pago em 2022, o que fará com que os trabalhadores tenham acesso ao abono PIS/Pasep dobrado em 2022, referente ao ano-base 2020 e 2021, mas será necessário aguardar a confirmação do governo, antes de contar com essa possibilidade.

Quem tem direito ao PIS/Pasep
O abono salarial é pago aos trabalhadores que exerceram atividade de carteira assinada ou como funcionário no ano-base. Para ter acesso ao benefício é necessário preencher os seguintes requisitos:

Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano-base
Ter recebido, no máximo, dois salários mínimos por mês, em média
Estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos
É preciso que a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente ao governo
Consulta saldo do PIS/Pasep
O trabalhador pode consultar se tem direito ao abono salarial da seguinte forma:

PIS:

Pelo Aplicativo Caixa Trabalhador
Pelo site da caixa (www.caixa.gov.br/PIS), clique em “Consultar pagamento”
Pelo telefone de atendimento da Caixa: 0800 726 0207
Pasep:

Pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas); 0800 729 0001 (demais cidades) e 0800 729 0088 (deficientes auditivos)


Com informações do site: jornal contábil