sexta-feira, 2 de julho de 2021

Tem como solicitar o auxílio emergencial 2021 extensão?


 

Inicialmente, o auxílio emergencial 2021 seria só de quatro parcelas, contemplando os meses de abril a julho.

Ainda rem como solicitar o auxílio emergencial 2021 extensão? 

Com a confirmação da prorrogação do benefício, os brasileiros têm procurado saber se podem solicitar o valor extra.
Inicialmente, o auxílio emergencial 2021 seria só de quatro parcelas, contemplando os meses de abril a julho.

No entanto, o ministro da Economia Paulo Guedes anunciou a extensão de mais três parcelas. Com isso, o benefício será pago até o mês de outubro.

Apesar de ter havido a extensão do benefício, não existe a possibilidade de solicitar o auxílio mais este ano.

Posso solicitar o auxílio emergencial 2021 extensão?

Não, o Governo Federal não vai abrir novo prazo para cadastramento no auxílio emergencial 2021, mesmo depois de anunciada a extensão.

Isso porque foi determinado que o benefício só será pago para quem recebeu as parcelas durante este ano e segue com o benefício regular.

Ou seja, nem quem já vinha recebendo o auxílio emergencial 2021 está totalmente seguro com a extensão.

O Governo Federal através da Dataprev vem fazendo uma análise mensal dos beneficiário para ver se quem recebe continua dentro dos critérios do programa.

Quem pode receber a extensão do auxílio emergencial 2021?

Assim como no ano passado, desde que o programa foi criado pelo Governo Federal, podem receber a extensão do auxílio emergencial 2021 quem permanece dentro dos critérios, veja:

Tem mais de 18 anos, com exceção de mães adolescentes
Recebe Bolsa Família
Não tem carteira assinada
Não recebe nenhum benefício previdenciário como aposentadoria ou auxílio
Teve rendimento de até R$ 28.559,70 durante todo o ano de 2019
Ficam excluídos também quem tenha CPF vinculado à pensão por morte, seja estagiário, residente médico ou multiprofissional ou ainda receba bolsas de estudo dos governos municipal, estadual ou federal.



Como a Dataprev está fazendo a análise nos benefícios, se você de repente conseguiu um emprego formal ou passou a receber aposentadoria ou pensão, terá o benefício bloqueado, e não poderá receber a extensão.

Por que a extensão não chegará a novos públicos?

O Ministério da Economia calcula que a prorrogação do auxílio emergencial 2021 vai custar pelo menos R$ 27 bilhões para os cofres públicos contando com o pagamento adicional das três parcelas.

A conta é feita tendo como base o número atual de beneficiários que é de 39 milhões.

Por isso que o Governo Federal sustenta que não é possível ampliar o grupo de beneficiários nem abrir novo cadastro para a extensão, porque se não o gasto seria muito maior.

O pagamento da extensão vai seguir os mesmos valores, definidos a partir do perfil de cada família:

Recebem R$ 150,00 pessoas quem moram sozinhas
Recebem R$ 250,00 famílias compostas por mais de uma pessoa
Recebem R$ 375,00 famílias chefiadas por mulheres

Até quando vai a extensão do auxílio emergencial?



Com informações do site: dci