sexta-feira, 9 de julho de 2021

Presidente do Haiti teve o olho esquerdo arrancado antes de morrer


 


Até o momento, 4 pessoas envolvidas no assassinato do presidente do Haiti foram mortos, e pelo menos 2 foram presos. 

A morte do presidente do Haiti, Jovenel Moïse, na madrugada da última quarta-feira (07/07) em sua casa, na capital Porto Príncipe, foi marcada por muita crueldade, de acordo com autoridades locais.

Segundo o juiz Carl Henry Destin, que esteve na casa do presidente após o crime, Moïse teve o olho esquerdo arrancado, e foi encontrado com a boca aberta, vestindo uma camisa branca completamente manchada de sangue.
A perícia divulgou que o presidente foi atingido por 12 disparos de arma de fogo.

Dois empregados que estavam na casa na hora do ataque foram amarrados pelos criminosos, e a filha mais velha do casal, que também estava na casa, se escondeu debaixo da cama do irmão mais novo.

Já a primeira dama, foi encontrada bastante ferida e, segundo a assessoria do governo, ela foi levada para a Flórida, onde está recebendo cuidados médicos.
Até o momento, 4 pessoas envolvidas no assassinato do presidente do Haiti foram mortos, e pelo menos 2 foram presos.


Com informações do site: br104