domingo, 4 de julho de 2021

Estados criam Vale Gás para famílias durante a crise


 
Foto: Reprodução
Vários estados e municípios do país estão aderindo à medida do “Vale Gás” destinado às famílias em situação de vulnerabilidade. Além da Saúde, a atual crise abalou o sistema financeiro e deixou muitos brasileiros em situação crítica. Com isso, São Paulo e estados do Nordeste já aderiram ao vale para compra do gás de cozinha.

Entre os itens básicos que mais encareceram nos últimos meses, o botijão de gás com certeza disputa o topo da lista. Em algumas regiões o valor da recarga está acima dos R$ 150, o que gera um grande peso no bolso das famílias. O preço citado é referente ao botijão de 13 kg, padrão nas residências brasileiras.

Um dos primeiros a aderir a medida foi o Governo do Estado do Ceará. Segundo informações, em abril de 2021 foram disponibilizados 130 mil tickets para 184 cidades.

Vale Gás em São Paulo
Além do Ceará, o Estado do Maranhão também deve conceder o vale, mas o processo está em análise. Enquanto isso, São Paulo anunciou em junho o seu programa de Vale Gás.

De acordo com a secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes, o investimento é de R$ 30 milhões. Cerca de 500 mil pessoas devem ser beneficiadas com a medida.

Cada família receberá três parcelas de R$ 100 a cada dois meses. A primeira está prevista para julho, a segunda para setembro e a última para novembro.

O programa será voltado às famílias com renda per capita de até R$ 178. É necessário fazer parte do CadÚnico do Governo Federal e não receber Bolsa Família.

Golpes relacionados ao ticket de gás
Com a necessidade de auxílio para condições básicas, como a compra de gás, há quem se aproveite para aplicar golpes. Diante disso, vale esclarecer que mensagens em aplicativos pedindo dados para receber o vale são falsas.

O Governo Federal não oferece o benefício, cada unidade da federação é responsável pelas suas próprias ações. Por isso, mensagens ou ligações do Ministério da Cidadania também são falsas.

Nunca informe seus dados em situações suspeitas. Não faça pagamentos em dinheiro ou transferências para receber qualquer benefício do Governo.

De modo geral, o cadastro para recebimento do auxílio é feito pelo CadÚnico. Portanto, deve ser consultado o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) mais próximo.

Com informações do site: editalconcursosbrasil