sexta-feira, 9 de julho de 2021

DER-ES abre inscrições para vagas de emprego; salários chegam a R$ 6,3 mil


 
Foto: Reprodução

A DER-ES abriu as inscrições para vagas de emprego com salários que variam entre R$ 2.688,14 a R$ 6.377,84. A seleção será com a formação de cadastro reserva de profissionais de níveis técnico e superior. As inscrições começam hoje, 7, e vão até 21 de julho de 2021.

Processo seletivo DER

O Departamento de Edificações e Rodovias do Espírito Santo (DER) do Espírito Santo juntamente com a Secretaria de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi) abriu as inscrições para o processo seletivo simplificado.

As vagas são para formação de cadastro reserva de, caráter temporário, para candidatos de níveis técnico e superior. Os aprovados terão remuneração de R$ 2.688,14 a R$ 6.377,84, mais o auxílio alimentação de R$ 300.

Os aprovados serão chamados conforme a necessidade do órgão. O contrato de trabalho terá duração de 12 meses, podendo ser prorrogado uma única vez pelo mesmo período.

As inscrições começam a partir de hoje, 7, e ficam abertas até 21 de julho de 2021, feitas no site da selecao.es.

Formação superior completo em: Engenharia Elétrica, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Arquitetura, Engenharia Agrônoma, Engenharia Ambiental, Engenharia com especialidade em segurança do
trabalho ou Bacharel em Ciências Biológicas.
Ensino Técnico em Estradas;
Experiência de, no mínimo, 3 anos completos;
Ter noções básicas de informática como: uso do programas do pacote Microsoft Office, correio eletrônico e sistema corporativo de gestão de documentos arquivísticos digitais, que engloba a autuação, tramitação, classificação, temporalidade e destinação final.

O processo seletivo será constituído apenas de uma etapa de seleção: análise de títulos e experiência profissional.

No ato da inscrição, o candidato deve informar todas às suas certificações e experiência profissional na área pretendida.

Os documentos comprobatórios analisados serão:

Pós-Graduação Lato Sensu na área de Engenharia, ou cursos conforme o cargo pretendido, com duração mínima de 360 horas, em curso reconhecido pelo MEC;
Domínio do software AutoCAD;
Domínio do software Revit;
Domínio do software Microsoft Excel;
Experiência profissional na elaboração de planilhas orçamentárias;
Experiência profissional na elaboração de planilhas orçamentárias em órgão público;
Experiência profissional na elaboração de projetos arquitetônicos em obras públicas;
Experiência profissional em fiscalização de obras.

Com informações do site:     FDR