domingo, 18 de julho de 2021

Cartão de Todos: Consultas médicas por menos de R$ 50 e cobertura nacional


 
Foto: Reprodução

O Cartão de Todos consiste em um programa de descontos que possibilita a contratação de uma variedade de serviços por um custo reduzido. A atuação principal está relacionada a descontos em consultas médicas, exames laboratoriais, além de benefícios voltados à educação e lazer.

Vantagens do Cartão de Todos 
O Cartão de Todos foi criado a partir de uma iniciativa privada, com o objetivo exclusivo de promover diversas vantagens e preços promocionais.

Estes benefícios incluem as farmácias, consultas médicas e odontológicas, exames laboratoriais, realização de cursos técnicos e graduações, academias, hotéis, entre vários outros com até 50% de desconto.

Para obter a ferramenta, o contratante deve arcar com mensalidades no valor de R$ 25. Porém, os benefícios de um único Cartão de Todos são válidos para todo o grupo familiar, ou seja, tanto o contratante quanto os filhos menores de 21 anos, bem como o (a) cônjuge. 

A particularidade do Cartão de Todos é que no primeiro mês é preciso pagar a mensalidade no valor mencionado, além de uma taxa de adesão também de R$ 25, gerando um custo inicial de R$ 50.

A contratação do serviço tem vigência de um ano, portanto, em caso de cancelamento antes deste período será preciso pagar uma multa rescisória. 

Para se ter uma ideia das vantagens do Cartão de Todos, com a ferramenta, o cidadão consegue agendar consultas médicas com valores fixos em todo o território nacional.

Sendo assim, além da mensalidade do cartão, ao marcar uma consulta junto a um clínico geral será preciso pagar apenas R$ 24, enquanto as outras especialidades têm um custo único de R$ 32.

Aquisição do Cartão de Todos 
O cidadão que deseja adquirir o Cartão de Todos pode entrar em contato através dos seguintes canais:

Telefone: 0800 729 2071;
WhatsApp: (11) 96839-0123;
Site: lead.cartaodetodos.com.br/solicite;
Aplicativo Cartão de todos.
Feito o pedido, é preciso se dirigir a um dos escritórios do Cartão de Todos espalhados por todo o país para retirar a ferramenta.

No que compete ao pagamento das mensalidades de R$ 25, é possível efetuá-lo utilizando o cartão de crédito ou incluindo o valor por meio de uma cobrança automática na conta de energia. 

Agendamento de consultas com o Cartão de Todos
O agendamento de consultas médicas ou odontológicas por meio do Cartão de Todos pode ser feito de duas maneiras. A primeira é por ligação telefônica e a segunda utilizando o próprio aplicativo do serviço. Lembrando que a plataforma está disponível para os sistemas Android e iOS. 

A vantagem do aplicativo e do site é que, por eles, o cidadão tem a opção de identificar as clínicas parceiras, além de acompanhar todo o histórico de consultas já realizadas. Feito o agendamento, basta se dirigir à unidade no local, data e horário marcados, ocasião em que o pagamento da consulta deve ser feito.

Cancelamento do Cartão de Todos
Conforme mencionado anteriormente, ao adquirir o Cartão de Todos o cidadão fica vinculado a um contrato de fidelidade com 12 meses de duração. Se ele optar por cancelar o serviço antes deste período ele deverá arcar com uma multa rescisória, mas se esperar completar o primeiro ano estimado, o cancelamento pode ser feito gratuitamente. 

No entanto, assim que a decisão sobre o cancelamento for tomada, é preciso entrar em contato com a companhia para informar sobre este desejo com até 30 dias de antecedência. Normalmente, prazos como esses são implementados para que ambas as partes se preparem evitando o acúmulo de pagamentos ao romper o vínculo no último momento. 

Para efetivar o cancelamento, é possível acessar o site do Cartão de Todos e selecionar a opção “Fale Conosco” para fazer o pedido. Também existe a possibilidade de enviar uma declaração requerendo o cancelamento dos serviços através de uma das unidades do Cartão de Todos.

Plano de telefonia Cartão de Todos
A equipe Cartão de Todos lançou o plano de telefonia móvel denominado de Alô TODOS. O serviço é direcionado às famílias caracterizadas nas classes C e D, com o objetivo de oferecer um custo benefício para a população de baixa renda.

O plano Alô TODOS, contou com um investimento na margem de R$ 2,5 milhões que devem chegar a 1,2 milhão de chips ativos, movimentando R$ 60 milhões em cashback até dezembro de 2022.

O vice-presidente global da TODOS Empreendimentos se pronunciou sobre o tema alegando que a empresa tem o propósito de suprir a demanda das famílias brasileiras com serviços básicos, mas que são essenciais. 

“O que chamamos de telefonia móvel, hoje em dia, é um importante canal de inclusão digital. E o Cartão de Todos, que tem foco nas classes C e D, não deixaria de pensar em um produto para esse público”, concluiu o vice-presidente.

Com informações do site: FDR.