sexta-feira, 30 de julho de 2021

Auxílio-doença passará por pente fino do INSS.


 


Foto: Reprodução
O foco do pente fino do INSS será o auxílio-doença.

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) fará um verdadeiro pente fino em todos os benefícios, no entanto, o foco maior será no auxílio-doença, principalmente por aqueles que recebem o benefício há mais de seis meses e não passaram por perícia médica.

Segundo o INSS, 170 mil benefícios por incapacidade temporária (auxílio-doença) vão passar por um pente fino rigoroso a partir de agosto. Os segurados já começaram a receber as cartas de convocação.

Atualmente tem mais dois programas em andamento (revisão administrativa e revisão de rotina dos Benefícios de Prestação Continuada), que serão feitas pelo INSS.
Quem não responder à convocação do INSS e não agendar a perícia médica em 30 dias, terá o benefício cancelado.

Segundo informações do Instituto Nacional do Seguro Social em nota: “assim que receber a carta, o beneficiário deve acessar o Meu INSS (gov.br/meuinss) pelo site ou aplicativo e clicar na opção “Agendar Perícia”. Esse agendamento também pode ser feito pelo telefone 135.

É bom lembrar que o prazo para fazer esse agendamento é de 30 dias, a contar do dia em que a pessoa recebeu a carta. Quem perder esse prazo, terá o benefício suspenso”.
O segurado deverá estar atento a data e horário que foi agendado para a realização da perícia médica, pois, não poderá faltar no dia. Não sendo possível a pessoa comparecer no dia marcado, deverá reagendar a perícia pelo telefone 135.

A Convocação

A convocação será feita através de carta simples enviada via Correios para o endereço do segurado que estiver cadastrado no sistema. Também poderá ser feita convocação por meio eletrônico ou partir da publicação de edital no Diário Oficial da União.

A rede bancária também poderá ajudar a autarquia para notificar os segurados através de mensagens exibidas nos terminais de autoatendimento.

Com informações do site: JORNALCONTABIL, JORGE ROBERTO WRIGT