terça-feira, 27 de julho de 2021

Adesão ao saque digital do FGTS pode ser feita pelo celular; Veja como.


 

Foto: Reprodução

Funcionalidade está habilitada ao trabalhador com conta vinculada que se enquadra em uma das modalidades de saque do programa.

A Caixa Econômica Federal lançou há alguns meses o saque digital do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A modalidade permite o resgate do saldo depositado no fundo de forma mais segura, fácil e ágil.

O beneficiário deve acessar o aplicativo do FGTS para consultar os valores liberados e solicitar o saque para uma conta de sua titularidade, mesmo que de outro banco. A operação é 100% digital e não exige a ida a uma agência da estatal.
A funcionalidade está habilitada a todos os trabalhadores com conta vinculada (ativa ou inativa) que se enquadrem em uma das modalidades de saque do FGTS estabelecidas por lei, como em caso de demissão sem justa causa, aposentadoria, doença grave, compra da casa própria, entre outras.

O saque digital do FGTS é oferecido ao beneficiário por meio do aplicativo FGTS. Basta o cotista baixar a ferramenta para consultar os valores disponíveis para saque e indicar uma conta da Caixa ou de outra instituição bancária para receber os valores. Tudo sem nenhum custo adicional.

Após a solicitação e adesão ao saque digital, o dinheiro do beneficiário cairá na conta indicada após cinco dias úteis. Pela plataforma, o trabalhador também pode fazer upload de documentos, assim como acompanhar as etapas entre a solicitação e liberação dos recursos para o saque.

Com informações do site: CAPITALIST