quinta-feira, 17 de junho de 2021

Prova de vida: Saiba o que é e o passo a passo de como fazer



Foto: Reprodução
Você sabe o que é e como fazer a prova de vida? Toda pessoa que recebe um benefício previdenciário do INSS já ouviu falar sobre a prova de vida.

Segundo dados do INSS, são mais de 36 milhões de pessoas que precisam fazer a prova de vida anualmente. Porém, nem todos sabem exatamente o que é e como funciona esse procedimento.

E isto é muito perigoso. Afinal, ao deixar de fazer a prova de vida ou fazê-la incorretamente, o pagamento do seu benefício pode ser suspenso pelo INSS.

Por isso, hoje eu vou explicar o que é como fazer a prova de vida com um passo a passo completo.

O que é prova de vida?
A prova de vida é um procedimento por meio do qual o titular de um benefício previdenciário prova para o INSS que está vivo.

Isso mesmo: você precisa provar para o INSS que está vivo.

Pode parecer estranho uma pessoa precisar provar que está viva. Porém, este procedimento serve para evitar fraudes no sistema do INSS.

É que, por mais inacreditável que possa parecer, alguns óbitos não são registrados e terceiros de má-fé continuam recebendo o benefício previdenciário de pessoas falecidas.

Ou seja, a prova de vida é uma forma para as pessoas corretas impedirem as pessoas erradas de cometerem fraude.

Por mais que você não goste de fazer a prova de vida, é também uma forma de protegê-lo.

Afinal, se muitas pessoas fraudarem o INSS, a tendência é que o próprio sistema previdenciário pare de funcionar.

Importante: receber a aposentadoria de falecido é crime!
A propósito, vale lembrar que receber aposentadoria de pessoa falecida caracteriza o crime de estelionato previdenciário.A pena para esse crime pode ser reclusão por mais de 6 anos.

Apesar disso, este crime é extremamente comum, pois muitas pessoas acreditam que não há nada de errado em cometê-lo.

Porém, cada vez mais o INSS e a Polícia Federal têm aperfeiçoado a investigação em relação a estes delitos.

Assim, cada vez mais pessoas que praticam esse crime estão sendo identificadas e presas.

Quem precisa fazer prova de vida?
Basicamente, todo titular de um benefício do INSS precisa fazer a prova de vida pelo menos uma vez por ano. Pode ser qualquer benefício:

Aposentadoria (por idade, tempo de contribuição, especial e rural por exemplo);
Benefícios por incapacidade (aposentadoria por invalidez, auxílio-doença e
auxílio-acidente)
Pensão por morte;
Auxílio-reclusão;
BPC/LOAS.
Se você recebe qualquer um destes benefícios, significa que você precisa fazer a prova de vida perante o INSS. Ou seja, precisa provar para o INSS que está vivo para continuar recebendo o seu benefício.

Isso inclui todos os titulares de benefícios previdenciários, independentemente da forma de recebimento. Ou seja, inclui todas as pessoas que recebem seus benefícios por conta corrente, poupança ou cartão magnético.




Com informações do site: jornalcontabil