quarta-feira, 9 de junho de 2021

Concurso IBAMA 2021: órgão quer edital com 2.348 vagas para Técnico e Analista


 
Foto: Reprodução

O IBAMA divulgou novos editais em maio de 2021 para processos seletivos que irão preencher 90 vagas e formar cadastro de reserva em cargos de Brigadistas, Chefes de Esquadrão, Chefes de Brigada e Supervisor de Brigada para a prevenção e combate aos incêndios florestais nos estados do Amapá, Maranhão, Mato Grosso e Pará.

As funções de Brigadista de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais e Brigadista Chefe de Esquadrão exigem apenas alfabetização. Para Brigadista Chefe de Brigada a exigência é ter ensino médio completo e aptidão/conhecimento em coordenação de equipes.

Os novos contratados terão remunerações de R$ 1.100,00 como Brigadista de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais, R$ 1.650,00 para a função de Chefe de Esquadrão e R$ 2.200,00 para Brigadista Chefe de Brigada. Além do salário, o IBAMA oferece benefícios de Auxílio-alimentação, auxílio pré-escolar (quando couber), auxílio-transporte (quando couber) e seguro acidente.

Um dos editais abre 15 vagas no Projeto de Assentamento do Incra Piquiá no estado do Amapá. Um segundo edital tem mais 15 vagas para lotação em Amarante do Maranhão - Terra Indígena Araribóia, estado do Maranhão. Os demais são para o município de Querência - Terra Indígena Wawi no estado do Mato Grosso; em Itaituba no estado do Pará; e em Novo Progresso, também no estado do Pará.

As inscrições terão prazos diferentes conforme cada local de lotação e vão de maio a junho de 2021. Estes, devem ser realizadas de forma presencial nos municípios das vagas e serão totalmente gratuitas. Para saber mais de cada ponto de inscrição, acesse a página de inscrição do IBAMA.

A seleção dos candidatos será feita por meio de Teste de Aptidão Física (percorrer 2.400 metros transportando uma bomba costal cheia d´água, pesando aproximadamente 24 quilos) e Teste de Habilidade no Uso de Ferramentas Agrícolas (capinar e rastelar uma área de 3x5 metros, em um prazo de até 20 minutos, na qual será avaliada a resistência muscular e habilidade dos candidatos no manuseio de ferramentas agrícolas).

Concurso IBAMA 2022
Ainda sem aval do Ministério da Economia, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - IBAMA já encaminhou ao Ministério do Meio Ambiente há bastante tempo a solicitação para a realização de concurso público com a justificativa da necessidade de obter autorização para provimento de 2.348 vagas no total.

Após novo recorde de desmatamento na Amazônia apontado em 2020, uma área de 11.088 Km² entre agosto/19 e julho/20 - nível mais alto desde 2008, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o Ministério Público Federal (MPF) já emitiu recomendação por meio da 4ª Câmara de Coordenação do órgão, para que o Ministério da Economia autorize o novo concurso público que iria aumentar o efetivo do órgão nas fiscalizações.

No entanto, até agora, o Ministério da Economia ainda não se pronunciou se irá autorizar um concurso IBAMA 2021. O pedido segue tramitando internamente sem resposta definitiva e não há prazo para lançamento do edital, tampouco para abertura das inscrições.

Vagas previstas no concurso IBAMA

O pedido de um novo edital de concurso no IBAMA em 2022 é para ingresso nos seguintes cargos:

Técnico Administrativo (954 vagas) - nível médio
Técnico Ambiental (526 vagas) - nível médio
Analista Ambiental (663 vagas) - nível superior
Analista Administrativo (205 vagas) - nível superior
Em 2021, o IBAMA irá solicitar ao Ministério da Economia autorização para realização de concurso . O pedido será feito até o fim de maio. Em contato realizado pela equipe do Ache Concursos, foi obtida a seguinte resposta ao questionamento feito ao órgão sobre o possível novo concurso:

"Através do processo nº 02001.014290/2019-11, o Ibama encaminhou ao Ministério do Meio Ambiente a solicitação para a realização de concurso público, com a justificativa da necessidade de se obter, junto ao Ministério da Economia, autorização para a realização de Concursos Públicos para o provimento de 205 cargos de Analista Administrativo, 663 cargos de Analista Ambiental, 526 cargos de Técnico Ambiental e 954 cargos de Técnico Administrativo, do quadro de pessoal efetivo do Ibama, para suprir carência de recursos humanos nas diversas áreas/unidades do Instituto. Não há, até o momento, o indicativo de aprovação ou não diante à proposição apresentada pelo Ibama. São estas as informações disponíveis, no momento. Atenciosamente".

Ainda, o diretor da Associação Nacional dos Servidores Ambientais (Ascema Nacional) disse que o novo concurso IBAMA é de extrema importância: "Há uma defasagem muito grande, principalmente em razão das aposentadorias de servidores que estão deixando o órgão já com condições necessárias para tal", afirmou.

Cargos vagos IBAMA
O quadro de pessoal do IBAMA tem atualmente 5.462 cargos e, destes, há 2.951 vagos. Como existem ainda cerca de 500 servidores próximos de se aposentar, os cargos vagos tendem a crescer ainda mais no curto prazo.

A tabela de remuneração do servidores públicos federais informa que os cargos de Analista Ambiental e Analista Administrativo têm remunerações iniciais de R$ 8.089,64. Já o cargo de Técnico Administrativo conta com remuneração inicial de R$ 3.605,34. Além disso, há vale alimentação de R$ 458,00 e gratificações que aumentam as remunerações.

Salários no IBAMA
Veja a tabela salarial dos cargos do IBAMA para 2021:
Salário dos cargos de nível superior no IBAMA - Fonte: Portal da Transparência
Salário dos cargos de nível superior no IBAMA - Fonte: Portal da Transparência
Salário dos cargos de nível médio no IBAMA - Fonte: Portal da Transparência
Salário dos cargos de nível médio no IBAMA - Fonte: Portal da Transparência
Último edital do IBAMA

O último grande concurso do IBAMA aconteceu em 2012 e foi coordenado pelo Cebraspe. Foram ofertadas, na época, 469 vagas, 108 para analista ambiental, 61 para analista administrativo e 300 para técnico administrativo.

Foram 18 estados contemplados com as vagas, além da capital federal. Veja os conteúdos que foram exigidos nas provas do último concurso:

Analista Administrativo
Língua Portuguesa
Informática
Matemática
Raciocínio Lógico
Atualidades
Noções de Direito Constitucional
Noções de Direito Administrativo
Legislação do setor de meio ambiente,
Administração Geral e Pública
Administração Orçamentária
Financeira e Orçamento Público
Gestão de Pessoas e Administração de Recursos Materiais.

Analista Ambiental
Língua Portuguesa,
Atualidades
Ética no Serviço Público
Noções de Direito Constitucional
Noções de Direito Administrativo
Legislação do setor de meio ambiente
Conhecimentos específicos (separados por temas)

Técnico Administrativo
Língua Portuguesa
Noções de Informática
Atualidades
Matemática
Ética no Serviço Público
Noções de Direito Constitucional
Direito Administrativo
Legislação do Setor de Meio Ambiente
Noções de Administração
Noções de Gestão de Pessoas
Noções de Arquivologia

O que é preciso para trabalhar no IBAMA
O último concurso teve 2 editais lançados, um deles para Técnico Administrativo e outro para Analista Ambiental. Veja mais de cada um dos cargos de carreira no IBAMA:

TÉCNICO ADMINISTRATIVO
Requisito: ensino médio (antigo segundo grau) ou de curso técnico equivalente, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.
Atribuições: realizar atividades de nível intermediário que envolvam o suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais do IBAMA, com atuação nas áreas de controle interno, documentação, gestão de pessoas, material, patrimônio, contratos e convênios, finanças e contabilidade, compreendendo o levantamento de dados, a elaboração de relatórios estatísticos, planos, programas e projetos; a pesquisa de legislação; a emissão de relatórios técnicos e informações; a distribuição e controle de materiais de consumo e permanente; entre outras.
Salário: R$ 3.605,34 por 40 horas semanais.

ANALISTA AMBIENTAL
Requisito: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no órgão de classe específico, quando for o caso.
Atribuições: planejamento ambiental, organizacional e estratégico afeto à execução das políticas nacionais de meio ambiente formuladas no âmbito da União, em especial as que se relacionam com as seguintes atividades; regulação, controle, fiscalização, licenciamento e auditoria ambiental; monitoramento ambiental; gestão, proteção e controle da qualidade ambiental; ordenamento dos recursos florestais e pesqueiros; conservação dos ecossistemas e das espécies neles inseridas, incluindo seu manejo e proteção; e estímulo e difusão de tecnologias, informação e execução de programas de educação ambiental.
Salário: R$ 8.089,64 por 40 horas semanais.


Com informações do site: Ache Concurso.