segunda-feira, 28 de junho de 2021

Atenção! A partir do próximo mês taxa na conta de energia deve subir 60%


 
Foto: Reprodução
Prepare o bolso! O valor da bandeira vermelha patamar 2 deve subir cerca de 60%. Isto porque a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) irá aumentar os valores das bandeiras tarifárias, uma taxa adicional que é cobrada quando o custo da geração de energia elétrica sobe. Isto acontece em decorrência da crise hídrica nos reservatórios das hidrelétricas.
Tudo está sendo calculado e o aumento nas contas deve ser comunicado ainda este mês para começar a vigorar em julho. De acordo com os cálculos realizados pela Aneel, o novo valor das banheira vermelha patamar 2, deve girar em torno de R$10.
Já os analistas do setor projetam que será preciso um aumento de cerca de R$12 na bandeira vermelha 2 para que ela seja capaz de cobrir os custos extras da energia gerada pelas termelétricas.

O índice mais alto deste sistema deve crescer mais de 20%. A conta das bandeiras já atingiu um rombo de R$1,5 bilhão em 2021.

As bandeiras tarifárias receberam três cores: verde, amarela e vermelha, esta última possui dois patamares. Elas representam o custo da geração da energia elétrica. Os analistas estimam que bandeira vermelha permanecerá até o início de novembro.
Este é o primeiro reajuste nos valores das bandeiras tarifárias desde 2019. Os valores permaneceram inalterados no ano passado e a bandeira verde foi acionada entre junho e novembro.
Antes da crise ficar mais evidente, a Aneel abriu no mês de março, uma consulta pública para reajustar as bandeiras e sugeriu novos valores. Pepitone alertou que o reajuste será ainda maior do que este sugerido em março.

Taxa das bandeiras

Atualmente, é cobrado R$ 1,34 a cada cem quilowatts-hora (kWh) na bandeira amarela, R$ 4,16 na bandeira vermelha 1 e R$ 6,24 na vermelha 2.

Foi sugerido pela Aneel que a bandeira vermelha 2 aumentasse para R$ 7,57, porém esse valor será ainda maior. Sendo assim, a alta da bandeira vermelha será maior que 20%.


Com informações do site: FDR