segunda-feira, 24 de maio de 2021

Termina no dia 28 de maio o prazo para contestar o auxílio emergencial negado


 
Foto: Reprodução
O Governo Federal deu uma nova chance aos brasileiros para entrar no auxílio emergencial. Na última semana, a Dataprev definiu o prazo para contestar o benefício negado, que vai até o fim dessa semana. A solicitação pode ser feita na internet e, assim, o cidadão pode garantir o acesso à segunda parcela do benefício.
 
O prazo para contestar o auxílio emergencial negado termina no dia 28 de maio
Enquanto a Caixa Econômica Federal paga os valores do benefício aos 40 milhões de brasileiros elegíveis, ainda há pessoas tentando ganhar o auxílio. Dessa forma, o prazo para contestar a solicitação negada vai até o próximo dia 28 de maio, no site da Dataprev.
 

A Dataprev está realizando um pente fino mensal nas aprovações do benefício. Assim, pode acabar excluindo um beneficiário que já recebeu o auxílio antes. 
Para tentar ganhar a segunda parcela do auxílio emergencial, o cidadão precisa ter sido contemplado com a primeira parcela. Ou seja, mesmo quem recebeu a primeira rodada, pode ou não, receber a segunda. 

Para quem deseja contestar a decisão, o processo é muito simples e rápido.
Afinal, é feito diretamente no site da Dataprev. Para isso, basta acessar a página e, na aba de consulta do auxílio emergencial, preencher os dados de identificação pessoal. 

Feito isso, basta confirmar as informações e clicar em “Enviar”. Caso o status do auxílio apareça como negado, deve-se clicar em “Contestação” e solicitar uma revisão nos documentos. Cabe ao Ministério da Cidadania avaliar o pedido e dar um retorno em até 15 dias.

Com informações do site: seu crédito digital