terça-feira, 11 de maio de 2021

Técnicas infalíveis para não procrastinar estudando na internet


 
Foto: Reprodução
Estudar pela internet é uma realidade global. No Brasil a dificuldade de conexão acontece aos montes, entretanto, a pandemia mostrou  aos governos que há a necessidade de abranger o acesso para as classes mais pobres de maneira urgente.

Podemos ver atualmente algumas iniciativas para doar chips com conectividade à internet para estudantes em situação precária. Além disso, as escolas têm aberto suas portas para que estes possam estudar – assim como ocorre em bibliotecas e outras entidades.

Seja você um aluno do ensino regular, de cursos livres, pré-vestibulares ou para concursos públicos, a internet certamente deve ser uma de suas grandes fontes de conhecimento.

Mas do mesmo modo que a internet ajuda, sem driblar distrações, ela pode ser uma vilã dos estudos. Conheça a abaixo duas técnicas poderosas.

Bloqueadores de sites e aplicativos
Esta é uma ferramenta clássica de motivação de estudo porque literalmente tira tudo o que o está distraindo, presumindo que sua distração seja digital.

Se você só precisa de um pouco de ajuda com seu autocontrole, estes são para você. Existem alguns bloqueadores disponíveis para o seu telefone e computador.

A saber, todos eles funcionam de forma bastante semelhante: eles bloqueiam quaisquer sites ou aplicativos que você deseja que eles bloqueiem, pelo tempo que você quiser.

Isso pode funcionar muito bem se você soar como a pessoa descrita no início deste artigo. Pare um minuto para pensar quais sites ou aplicativos tendem a absorver a maior parte do seu tempo e bloqueie-os enquanto você estuda.

Se isso parece extremamente difícil, comece com blocos curtos de tempo e vá aumentando.

A Técnica Pomodoro para estudar pela internet
Em sua essência, a Técnica Pomodoro é muito simples:

Estude por 25 minutos
Faça uma pausa de 5 a 10 minutos
Repita o ciclo 4 vezes
Faça uma pausa mais longa
Claro, existem variações dessa técnica, e você pode descobrir que gosta de intervalos de estudo mais curtos, ou talvez só possa repetir o ciclo três vezes até precisar de um intervalo mais longo.

Não importa como você o personalize para si mesmo, quando você sabe que o fim está à vista e uma pausa está chegando, torna-se mais fácil estudar por longos períodos de tempo.

Para ajudar a controlar o tempo e ter certeza de que você não está constantemente verificando o relógio, defina um cronômetro para as suas sessões de estudo e seus intervalos.

Você pode aproveitar ao máximo suas pausas, por exemplo, levantando-se e fazendo algo físico que faça seu sangue bombear. Se você usar seus intervalos para assistir a 10 minutos de um programa de TV, provavelmente não estará muito motivado para voltar.

Com informações do site: Notícias Concursos