terça-feira, 11 de maio de 2021

Roubo de dados de cartão de crédito: o que fazer? Conheça algumas dicas que podem ser úteis nesse momento


 
Foto: Reprodução
Por mais incrível que pareça, não é incomum o roubo de dados de cartão de crédito por hackers e golpistas. Ainda mais com a popularização das compras pela Internet, em algumas situações, essas informações ficaram vulneráveis, sendo alvo fácil para os bandidos. Mas, o que fazer? Como proceder nesses casos?

Como proceder em caso de roubo de dados de cartão de crédito

Em geral, quando há roubo de dados de cartão de crédito, a maioria das informações roubadas, na verdade, são informações pessoais. Estas estão limitadas ao que os clientes fornecem durante os pedidos de crédito apresentados nos formulários, como:

Nome;
Endereço;
CEP;
Números de telefone;
Endereço de e-mail;
Data de nascimento;
Renda.

A violação de dados também obtém informações gerais dos dados do cliente, incluindo:

Pontuação de crédito;
Limites de crédito;
Histórico de pagamentos;
Entre outras informações.

No entanto, comumente, nenhum número de conta bancária é comprometido. Dessa forma, se você for vítima de roubo de dados de cartão de crédito, deve seguir as recomendações abaixo:

Preste atenção às notificações da administradora do cartão de crédito
 
Os clientes de cartão de crédito, devem sempre visualizar as notificações de e-mail, aplicativo e mensagens de texto. Assim, é possível verificar se é uma notificação a respeito de suspeita de fraude.

É comum as operadoras de cartão usarem esses canais para se comunicar com os usuários, portanto, é bom ficar atento. Se você foi uma vítima, precisa reagir rapidamente se receber esta notificação. Então, fique ligado.

Fique por dentro de seus extratos bancários mensais
 
Como o nome do cidadão, e consequentemente, algumas contas bancárias vinculadas a ele, podem ter sido comprometidas na violação, é preciso ficar de olho nos extratos. Dessa forma, veja regularmente os extratos bancários mensais. Procure todas as transações que você não reconhece.

É possível também monitorar o saldo de perto se usar o aplicativo do banco pelo smartphone. A maioria dos apps permite que sejam enviadas notificações de compra.

Algumas instituições limitam transações de alto valor, enquanto outras irão notificá-lo sobre quaisquer transações. Essas notificações podem basicamente garantir que você esteja ciente do uso autorizado do cartão conforme a transação ocorre. Se você ainda não configurou as notificações, verifique as configurações do aplicativo para ver o que se pode habilitar.

O roubo de dados de cartão de crédito pode ser identificado se o nome aparecer indevidamente nos órgãos de proteção ao crédito
Se você tem um serviço de monitoramento de crédito, certamente ele irá alertá-lo sobre quaisquer mudanças importantes no seu relatório de crédito. Se seu CPF for incluído nos órgãos de proteção ao crédito ou se seu nome for a protesto a notificação chegará rapidamente.

É importante buscar por serviços do tipo para não ser pego de surpresa em caso de roubo de dados de cartão de crédito. Por exemplo, se alguém abrir uma conta em seu nome, o aplicativo irá notificá-lo dessa mudança.

Tome mais medidas para proteger sua identidade após uma violação de dados
Violações de dados estão se tornando bastante comuns. A inadimplência dos principais emissores e varejistas de cartão de crédito costuma ser manchete em todo o país. No entanto, você pode não ser uma vítima fatal de roubos como esses, se for proativo e usar as melhores práticas para proteger sua identidade.

Atualize software e sistemas operacionais
Execute seu software antivírus periodicamente. Embora seja irritante receber constantemente avisos para atualizar seu sistema operacional, é importante que você faça isso regularmente, pois, por exemplo, o antivírus contêm proteções que podem lhe ajudar.

Copie uma versão do disco rígido do seu computador para uma unidade externa semanal ou mensalmente. O disco rígido externo se conecta ao computador com um cabo USB.

Se algo acontecer ao seu computador, você não perderá seus arquivos. Desconecte o disco rígido quando terminar. Se ele estiver conectado ao computador quando um vírus o infectar, os ladrões terão acesso a todo o conteúdo.

Considere assinar um serviço de backup online que permite salvar “versões” para que você possa ter informações mais antigas de seus arquivos. Não fique apenas com as versões mais recentes. Alguns serviços custam cerca de R$ 5,00 por mês.

Se houver roubo de dados do cartão de crédito em seu nome
Se você for vítima de roubo de dados de cartão de crédito, comece ligando para a operadora do cartão e o bloqueando. Dependendo da gravidade do furto, você pode decidir se deseja denunciá-lo à polícia.

Se você acha que os ladrões têm outras informações importantes, como número da conta bancária e senha, entre em contato com a instituição bancária. Assim, será possível solicitar um alerta de fraude e congelar seu crédito imediatamente. Por fim, tome outras atitudes, como:

Ligue para as empresas onde a fraude foi cometida;
Feche ou congele as contas;
Altere usuários, números de PIN e senhas;
Faça com que as acusações de fraude sejam retiradas;
Solicite uma confirmação por escrito da remoção das cobranças.
Não há como garantir que você está protegido contra roubo de dados de cartão de crédito, mas sendo proativo e tomando essas medidas, você pode limitar o seu risco. Se depois de ser vítima de engano ou fraude você se encontrar em uma situação de crise, use algum app ou planilhas para iniciar seu plano de recuperação de finanças. Dessa forma, será possível retomar a vida financeira depois do susto.



Com informações do site: Notícias Concursos