domingo, 2 de maio de 2021

Empréstimo para quem recebe Bolsa Família: saiba agora mesmo como fazer


 
Foto: Reprodução
Atualmente, o Bolsa Família é o principal programa de assistência financeira e social do governo. Com as ações de inclusão e distribuição de renda, o projeto ganhou prêmios internacionais por contribuir para a diminuição da fome e miséria no país. Além disso, os beneficiários podem contar com facilidades na hora de solicitar crédito, pois o empréstimo para quem recebe Bolsa Família tem um processo menos burocrático.

No entanto, o interessado em solicitar o empréstimo precisa atender aos critérios da concessão, uma vez que o empréstimo para quem recebe Bolsa Família tem como objetivo incentivar o empreendedorismo e apoiar a independência financeira do participante.

Regulamento do empréstimo para quem recebe Bolsa Família
O participante do Bolsa Família pode solicitar o empréstimo destinado ao programa. Contudo, deve se enquadrar na posição de microempreendedor.

Tendo isso em vista, o empréstimo voltado aos participantes do benefício social foi criado em 2007 pelo Ministério do Desenvolvimento Social, mais especificamente, trata-se de uma modalidade de microcrédito desenvolvida dentro do Plano Progredir.

O principal objetivo do empréstimo é auxiliar na abertura de pequenos negócios ou melhoria de uma microempresa já existente. Com isso, o crédito incentiva os participantes a se tornarem independentes do Bolsa Família e a consequente saída do programa, pois é esperado que a renda do beneficiário aumente.

Desse modo, o empréstimo para quem recebe Bolsa Família exige também que o interessado atenda ao seguinte perfil:

Seja Micro Empreendedor Individual (MEI);
Não tenha pendência em órgãos como Serasa e SCPC;
Possua outra renda além do benefício, como um emprego formal (carteira assinada);
Esteja ciente e permita a visita de algum fiscal do programa;
Seja maior de idade;
Tenha inscrição (atualizada) no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo (CadÚnico) e Bolsa Família;
Possua conta na Caixa Econômica Federal (CEF);
Tenha um fiador.
Como fazer o empréstimo

Para fazer o empréstimo, o interessado deve ir até à Caixa Econômica Federal junto com o seu fiador ambos levando os seguintes documentos:

Identidade e CPF;
Comprovante de residência;
Comprovante de renda;
Carteira de trabalho;
Cartão do benefício;
Inscrição no Cadastro Único.
Em caso de aprovação e dependendo da renda recebida pelo Bolsa Família, o beneficiário poderá escolher o valor do empréstimo, os quais variam de R$ 300 até R$ 15 mil.

Com informações do site: Brasil123