domingo, 2 de maio de 2021

Como escolher um cartão de crédito de acordo com suas necessidades financeiras


 
Foto: Reprodução

É um fato que a econtinua sua lenta recuperação, portanto, os cidadãos brasileiros ainda estão passando por dificuldades financeiras. Assim, ter como escolher um cartão de crédito que atenda a todas as suas necessidades momentâneas pode ser a chave para sair do sufoco.

Como escolher um cartão de crédito que atenda às reais necessidades financeiras em poucos passos
Os emissores de cartões estão sempre prontos para começar a atrair os consumidores com a promessa de ótimas condições e dinheiro fácil. Dessa forma, com a crise por conta da pandemia e os credores afrouxando um pouco seus padrões, entender como escolher um cartão de crédito que valha a pena de verdade é bem importante.

Aliás, é possível ver muitas ofertas com produtos financeiros atrativos em diversos sites na Internet. Dessa forma, para obter melhores resultados, é preciso ser um pouco exigente.

Antes de enviar uma proposta para um cartão de crédito, avalie a oferta para garantir que está obtendo o melhor negócio de acordo com a sua situação financeira. Para ajudar, abaixo, listamos 5 práticas simples que contribuem para uma escolha mais assertiva.

1.Escolha um cartão com um programa de recompensas que você realmente usará
Muitos emissores de cartão de crédito tentam atraí-lo com a promessa de um programa de recompensas. Mas, antes de decidir, certifique-se de que usará as recompensas de verdade. Não receba um cartão de milhas se estiver mais interessado em dinheiro de volta.

Além disso, preste atenção aos termos das recompensas, pois alguns cartões anunciam que você pode receber 5% do dinheiro de volta.
Contudo, depois se descobre que você só recebe esse valor em certas categorias, alternadas ao longo do ano.

Os programas de milhas são famosos por fazer os usuários sentirem como se estivessem recebendo muito. Mas, então, descobrem que precisam de mais de 50.000 milhas para resgatar suas recompensas por um voo.

Por fim, certifique-se de compreender as taxas de resgate, datas de indisponibilidade e políticas de expiração. Além disso, alguns cartões zerarão suas recompensas se ficarem inativos por um determinado período de tempo.

2.Como escolher um cartão de crédito avaliando a anuidade
Não tem como escolher um cartão de crédito sem avaliar o quanto ele cobra pela anuidade. Essa taxa, em geral, é dividida em 12 vezes, sendo que as mensalidades são cobradas juntamente com os outros valores de compras na fatura.

Além dessa cobrança, verifique também se o cartão cobra por cada transação feita, pois, por mais incrível que pareça, isso pode acontecer. Outro ponto a ser levado em consideração, que não é a anuidade, mas tem tudo a ver com cobrança, é a taxa de juros.

Sempre atente-se antes de pedir cartões de crédito para quanto é cobrado, caso o pagamento ultrapasse a data limite. Frequentemente, a taxa de inadimplência é alta, o que acaba não sendo vantajoso.

3.Preste atenção aos períodos de gratuidade
É fácil ser atraído por uma taxa zero, não é mesmo? Parece um bom negócio, uma vez que pode fazer compras sem se preocupar com taxas cobradas. No entanto, certifique-se de entender quanto tempo dura o período. Alguns cartões de crédito oferecem apenas 3 meses, enquanto outros oferecem 12, 18 ou mesmo 24 meses.

Procure sempre um período de gratuidade mais longo, certificando-se de entender os detalhes abordados. Os emissores chegam a promoter gratuidade para sempre dependendo do quanto se gasta mensalmente na fatura, portanto, procure verificar atentamente esses detalhes.

4.Ofertas de seguros inclusas nos serviços prestados pelo cartão de crédito

Uma característica pouco valorizada é o serviço de seguro que os cartões de crédito podem oferecer. Isso porque alguns seguros são pouco conhecidos, mas realmente muito úteis na hora do aperto.

Por exemplo, tem-se o seguro viagem, que comumente garante coberturas importantes e asseguram vantagens ao usuário caso ele compre uma passagem. Outro bom exemplo é o seguro de acidentes e assistência em viagem, sem contar com o seguro de proteção de compras.

5.Limite oferecido pelo cartão
Cada um deve saber qual é o seu limite de endividamento, ou seja, o máximo que pode gastar agora e quitar no futuro. Nesse ínterim, não tem como escolher um cartão de crédito por conta o alto valor do limite que ele oferece, pois deve-se lembrar que o dinheiro gasto é um empréstimo a ser quitado o quanto antes, com menos custos possível.

É melhor evitar ter um limite muito alto no cartão, pois é fácil acumular a dívida e no final tornar-se uma bola de neve enorme que não conseguimos suportar. Mas, nesse sentido, o melhor produto financeiro será aquele que se adapte às condições salariais.

Outras considerações sobre como escolher um cartão de crédito
Para poder julgar o que é ou não melhor, primeiramente você deve saber definir as suas necessidades. Afinal, é inútil saber qual o melhor cartão do mercado, uma vez que ele não se adapta à sua realidade financeira.

E para descrever o seu perfil e depois escolher o cartão certo, você terá que analisar, por exemplo, a sua forma de pagamento. Ou seja, é seu costume atrasar os pagamentos ou pagar sempre o mínimo das faturas?

Se você não vai pagar o total, é aconselhável escolher um cartão que cobra menos juros. Mas, se você quitará o valor integral mensalmente, tais dados tornam-se irrelevantes. Assim, é preferível optar, por exemplo, pela anuidade.

Leve em consideração também os seus próprios hábitos de consumo na hora da escolha. Por exemplo, se for usar o produto financeiro para evitar o transporte de dinheiro, para fazer pagamentos de emergência ou para aproveitar promoções com esse cartão.

Se você vai usar apenas em casos de emergência, terá que escolher os cartões que não cobram anuidade e que os juros são baixos. Por outro lado, se você vai usar o cartão para fazer todas as suas compras, pode querer um que tenha um bom programa de recompensas.

Antes de se comprometer a solicitar um produto financeiro, pesquise. Tem como escolher um cartão de crédito que seja o ideal, que case perfeitamente com o que esteja precisando no momento. Compare as ofertas e, em seguida, escolha aquela que provavelmente lhe proporcionará o maior benefício.

Com informações do site: noticiasconcursos