quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Projeto pede novo estado de calamidade até junho, para viabilizar auxílio emergencial


 
Foto: Reprodução

O líder do PDT no Senado, Weverton Rocha (MA), apresentou um projeto de decreto legislativo que sugere a implementação de um novo estado de calamidade pública, em função da pandemia de covid-19, até 30 de junho de 2021. O decreto é visto como uma forma de viabilizar o pagamento do auxílio emergencial, mas esta possibilidade é rejeitada pelo governo e sua equipe econômica.

Apesar de ter sido relator do projeto de decreto legislativo que estabeleceu o estado de calamidade pública em março de 2020, Weverton Rocha não exerce a mesma função agora e teria de conquistar o apoio de outras bancadas para que a matéria fosse pautada e aprovada na Casa.

O governo já sinalizou que não tem a intenção de prorrogar o auxílio, mas, ainda assim, senadores têm buscado alternativas para que a ajuda continue sendo paga em 2021.

Com informações do site expressodosertao