terça-feira, 12 de janeiro de 2021

PIS-Pasep 2020-2021 sofreu reajuste por causa do novo salário mínimo


 
Foto: Reprodução

Desde o início deste mês, o valor do abono salarial do PIS-Pasep 2020-2021 foi atualizado e foi de R$ 1.045 para R$ 1.100, acompanhando a atualização do salário mínimo.

O novo valor é válido para trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro ou com número final da inscrição entre 0 e 4 que ainda não fizeram o saque. Também é válido para quem nasceu entre janeiro e junho e trabalhadores com números de inscrição de 5 a 9 que ainda vão receber nas datas futuras do calendário.

O calendário é feito de acordo com o mês de nascimento, no caso de trabalhadores de empresas privadas, e de acordo com o número final da inscrição, no caso de servidores públicos. O PIS é pago para trabalhadores do setor privado pela Caixa Econômica Federal. Já o Pasep é pago para servidores públicos pelo Banco do Brasil.

Dessa forma, após o reajuste do salário mínimo no Brasil, o abono salarial passou de R$ 92 a R$ 1.100. O valor é pago tendo como base a quantidade de meses trabalhados durante o ano-base 2019. O valor total é pago apenas para quem trabalhou durante os 12 meses de 2019.

Veja abaixo o valor de pagamento de acordo com a quantidade de meses trabalhados.

1 mês: R$ 92,00

2 meses: R$ 184,00

3 meses: R$ 275,00

4 meses: R$ 367,00

5 meses: R$ 459,00

6 meses: R$ 550,00

7 meses: R$ 642,00

8 meses: R$ 734,00

9 meses: R$ 825,00

10 meses: R$ 917,00

11 meses: R$ 1.009,00

12 meses: R$ 1.100,00

Os nascidos entre julho e dezembro ou com número final de inscrição entre 0 e 4 pode sacar ainda em 2020. Quem nasceu entre janeiro de junho ou tem número de inscrição entre 5 e 9 receberão no primeiro semestre deste ano. Em todos os casos, o dinheiro fica disponível até dia 30 de junho de 2021, prazo final de recebimento.

Com informações do site noticiasconcursos - Natália Marinho