domingo, 10 de janeiro de 2021

Em janeiro, FGTS terá saque adicional de R$ 50 a R$ 2.900; Veja quem recebe


 

Disponível no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) tem uma nova modalidade de saque-benefício disponível em 2021.

Esse é o saque-aniversário do FGTS, que permite o saque anual de parte do Fundo no mês de nascimento do beneficiário.

O tipo não é automático. Nesse caso, o trabalhador precisa demonstrar interesse em participar da nova forma de pagamento acessando os principais canais de atendimento da Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelas transferências.

Ao optar pelo saque-aniversário, o trabalhador perde o direito ao benefício integral em caso de demissão sem justa causa. Para voltar ao formato antigo, você deve esperar um período de dois anos. Em janeiro, novos beneficiários terão acesso às somas. Verificar!

Saque-aniversário do FGTS de até R$ 2.900
Ao contrário do saque da rescisão do FGTS, para casos de demissão sem justa causa, o saque-aniversário libera um percentual do valor acumulado do Fundo de acordo com as faixas de saldo, seja de contas ativas ou inativas, e no mês de nascimento do trabalhador.

Em alguns casos, também é oferecida uma parcela adicional, que pode variar de R$ 50 a R$ 2.900, dependendo do limite. Confira abaixo a tabela completa de alíquotas aplicadas:


Quem pode sacar o saque aniversário do FGTS em janeiro?

A liberação do saque-aniversário do FGTS para janeiro é destinada aos beneficiários nascidos em novembro e dezembro. Os valores estão disponíveis para resgate até o último dia útil do segundo mês após a liberação.

Confira o calendário completo a seguir:

Janeiro e Fevereiro - saques de abril a junho de 2020;
Março e Abril - saques de maio a julho de 2020;
Maio e Junho - saques de junho a agosto de 2020;
Julho - saques de julho a setembro de 2020;
Agosto - saques de agosto a outubro de 2020;
Setembro - saques de setembro a novembro de 2020;
Outubro - saques de outubro a dezembro de 2020;
Novembro - saques de novembro de 2020 a janeiro de 2021;
Dezembro – dezembro de 2020 a fevereiro de 2021.

Interessados em migrar para a modalidade de saque-aniversário podem acessar um dos canais de atendimento da Caixa, como site ou aplicativo. Para quem ainda está em dúvida se a opção é vantajosa ou não, o Estado oferece a simulação de quanto o trabalhador terá direito em caso de adesão à modalidade.

Com informações do site: Rede Brasil News