domingo, 6 de dezembro de 2020

Bolsa Família: Governo continua com programa em janeiro de 2021


 



O Bolsa Família irá continua em janeiro de 2021, já que o governo não conseguiu lançar o Renda Cidadã em 2020. Também foi confirmado pelo presidente Jair Bolsonaro que o auxílio de R$ 300 não erá prorrogado.

Como há uma indefinição em relação ao Renda Cidadã, o governo seguirá com o Bolsa Família que atualmente beneficia 14 milhões de famílias e conta com um orçamento de R$ 29 bilhões por ano. Para 2021, esse orçamento poderá ser de R$ 35 bilhões.


Existe a chance do Bolsa Família ser “turbinada” com mais orçamento que poderá auxiliar milhões de brasileiros vulneráveis.

Uma outra possibilidade seria o Bolsa Família aumentar em 2021 o número de famílias atendidas.


Com o fim do auxílio emergencial, essas pessoas poderiam ingressar no programa, já que ficarão desemparadas com o final do benefício de R$ 300.

Novo substituto do auxílio emergencial e novo Bolsa Família
Agora é esperar o governo tirar do papel o Renda Cidadã, que deixou de ser discutida e posta em pratica, por causa das eleições municipais. Agora que o pleito terminou, muita coisa não vai mudar, porque vai ai o recesso dos parlamentares.

O que emperrou o Renda Cidadã foi a falta de um financiamento. O novo programa do governo terá a missão de substituir o Bolsa Família, mas, enquanto isso não acontece, o programa criado no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, continuará valendo.

No ano que vem, o Bolsa Família promete oferecer o auxílio-creche e premiar estudantes que tiverem bom desempenho escolar.

Com informações do site: JornalContábil