quarta-feira, 11 de novembro de 2020

Serasa Limpa Nome: libera mais de 10 milhões de dívidas que podem ser quitadas por R$50

Serasa Limpa Nome: libera mais de 10 milhões de dívidas que podem ser quitadas por R$50
 





O Serasa anunciou que a partir desta sexta-feira (09) vai começar a liberar dívidas que podem ser quitadas por valores muito acessíveis. Mas de 10 milhões de dívidas vão poder ser quitadas por apenas R$50.

O 26º Feirão Serasa Limpa Nome, promete descontos de até 99%. De acordo com o diretor de marketing e canais do Serasa, Giresse Contini, essa edição do Feirão Serasa Limpa Nomes é muito especial, por conta do cenário de pandemia de Covid-19 que todos vivenciam. 

"O grande objetivo é ajudar o maior número de brasileiros a regularizar sua situação financeira, limpar o nome e voltar a ter acesso a crédito. Por isso não pouparemos esforços para viabilizar ações como essa junto aos nossos parceiros, e possibilitar que milhões de pessoas quitem suas dívidas por apenas R$ 50", disse Giresse Contini.

 

O Feirão vai contar com mais de 50 empresas parceiras, confira a lista de empresas que já estão participando do Feirão Serasa Limpa Nomes:

 

Itaú, 

Banco do Brasil, 

Recovery, 

Claro, 

Nextel, 

Santander, 

Vivo, 

Casas Bahia, 

Ponto Frio, 

Renner, 

Riachuelo, 

Pernambucanas, 

Avon, 

Bradesco, 

Carrefour, 

Porto Seguro, 

Ativos, 

Oi, 

Itapeva, 

Anhanguera, 

Sky, 

Credsystem, 

Banco BMG, 

Digio, 

Zema, 

Crefisa, 

Ipanema, 

Unopar, 

Hoepers, 

Tricard, 

Tribanco, 

Di Santinni, 

Calcard, 

Confiança, 

Algar, 

Unic, 

Fama, 

Pitágoras, 

Sorocard, 

Uniderp, 

Unime, 

Hipercard, 

Conect Car, 

Elmo, 

Tenda, 

Energisa, 

Cetelem, 

Havan, 

Elmo, 

MGW Ativos, 

Energisa, 

Quatro Estações, 

CPFL, 

RGE, 

Light, 

Nosso Lar, 

Novo Mundo, 

Koerich, 

Kredilg, 

Cemig. 

Os interessados podem renegociar suas dívidas até o dia 30 de novembro. Basta entrar em contato através dos canais digitais do Serasa: site do Serasa Limpa Nome, o aplicativo da Serasa, Whatsapp (11-99575-2096) ou pelo 0800-591-1222, e ainda nas agências dos Correios.

Com informações do site liccamaqua