quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Concurso PM RJ 2020 para Oficiais com 67 vagas terá organização da FGV! Até R$7 mil


 



A Polícia Militar do Rio de Janeiro vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso PM RJ 2020) para o cargo de Oficiais da Saúde. A banca organizadora do concurso já está definida: a Fundação Getúlio Vargas. A informação consta em um documento interno do processo licitatório da corporação. Agora, o próximo passo será assinatura de contrato entre as partes.

Serão oferecidas, ao todo, 67 vagas, sendo 42 para oficial médico do Quadro de Oficiais de Saúde da Polícia Militar e 25 para técnicos em Enfermagem.

No caso de oficial médico, as vagas serão oferecidas para as seguintes especialidades:

Anestesiologia: 01 vaga;
Cirurgia Geral: 01 vaga;
Cirurgia Pediátrica: 01 vaga;
Cirurgia Vascular: 01 vaga;
Cirurgia Vascular (Endovascular): 01 vaga;
Clínica Médica: 20 vagas;
Neurocirurgia: 04 vagas;
Ortopedia: 01 vaga;
Psiquiatria: 07 vagas;
Radiologia: 01 vaga; e
Terapia Intensiva (adulto): 04 vagas.
De acordo com informações do projeto básico do concurso, o cargo de técnico em enfermagem requer diploma de Conclusão do Curso Técnico de Enfermagem, reconhecido pelo MEC e Registro no Conselho Regional de Enfermagem no Estado do Rio de Janeiro. A carteira profissional do candidato deverá constar no registro o número da carteira, podendo ser aceito o Registro Provisório do Conselho Regional de Enfermagem, desde que dentro do prazo de vigência.
No que se refere as especialidades do cargo de Oficial Médico, o candidato deverá apresentar Diploma de Graduação no Curso de Medicina em instituição de ensino superior  reconhecida pelo MEC e os seguintes documentos comprobatórios da graduação e das especialidades:

Diploma de graduação no Curso de Medicina em Faculdade reconhecida pelo MEC;
Registro definitivo no Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro e Certidão de Nada Consta do CREMERJ;
Certificado de conclusão com aproveitamento de programa de residência médica reconhecido pela Comissão Nacional de Residência Médica na especialidade da área a qual se inscreveu ou Certificado de Conclusão com aproveitamento do Curso de Especialização, em curso reconhecido pelo MEC.
Os salários oferecidos para cada carreira já foram confirmados. A remuneração será de R$3.246,42, para técnicos e R$6.014,19, para médicos. A expectativa é que o concurso tenha 27 mil inscritos.

Etapas do concurso
De acordo com o projeto básico do concurso, o concurso será composto por:

Prova objetiva;
Avaliação de títulos;
Exame Antropométrico;
Teste de Aptidão Física;
Exame Psicológico;
Exame de Saúde;
Exame Social e Documental.
As duas primeiras etapas serão coordenadas pela organizadora do concurso, que será definida por dispensa de licitação. As demais serão de responsabilidade da corporação.

A prova objetiva vai contar com 80 questões, sendo que os candidatos terão 04 horas para responder o exame, em data a ser definida. Veja os itens que serão cobrados:

Técnico em Enfermagem
Deontologia e Exercício Profissional (cinco);
Fundamentos de Enfermagem (15);
Enfermagem Médico-Cirúrgica (20);
Enfermagem em Emergência (10);
Administração em Enfermagem (cinco);
Enfermagem Materno-Infantil (10);
Enfermagem em Saúde Pública (10); e
Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental (cinco).
Oficial médico
Pediatria (10);
Clínica Médica (10);
Ginecologia e Obstetrícia (10);
Cirurgia Geral (10);
Legislação Institucional (10); e
Conteúdo da Especialidade (30).
Segundo informações do projeto básico do concurso, os candidatos serão considerados aprovados se garantirem, no mínimo, 50% de acertos no total da avaliação. Além disso, não será possível zerar nenhuma disciplina.

Último edital foi divulgado em 2010
O último edital da PM-RJ para área da Saúde foi divulgado em 2010, com 573 vagas, todas para candidatos de ensino superior. As oportunidades foram para médicos, em diversas áreas. Entre elas, Cardiologia, Dermatologia, Ginecologia, Clínica Geral, Neurocirurgia, Obstetrícia, Terapia Intensiva, Urologia, entre outras. O edital ainda trouxe vagas para enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, fonoaudiólogos, assistentes sociais e nutricionistas. As oportunidades eram para oficiais.

Para concorrer, o candidato precisava ter graduação na área de interesse, de 18 e 30 anos e altura mínima de 1,65 para candidatos de sexo masculino e 1,60 para o sexo feminino.

O concurso contou com prova escrita, exame antropométrico, exame físico, exame médico, exame social e documental, exame psicológico e prova de títulos.

As provas objetivas e discursivas foram realizadas no mesmo dia. O exame objetivo contou com 50 questões de múltipla-escolha. Na prova discursiva os candidatos tiveram que responder cinco questões de Conhecimentos Específicos.


Com informações do site: NotíciasConcursos, Saulo Moreira