terça-feira, 14 de julho de 2020

Ministro fala quando ‘Renda Brasil’ deverá ser criado para substituir Bolsa Família, confira aqui! |EmpregabilidadeBrasil..com



Ministro fala quando ‘Renda Brasil’ deverá ser criado para substituir Bolsa Família, confira aqui! |EmpregabilidadeBrasil..com
Ministro fala quando ‘Renda Brasil’ deverá ser criado para substituir Bolsa Família


Ministro fala quando ‘Renda Brasil’ deverá ser criado para substituir Bolsa Família.

Cerca de uma semana atrás, mais exatamente no dia 8 de junho, o atual Ministro da Economia, Paulo Guedes, revelou algumas informações sobre como o governo de Jair Bolsonaro pretende criar um programa de renda mínima permanente.

O programa deverá ser criado após a pandemia e poderá de chamar ‘Renda Brasil’. O plano é que o mesmo seja mais amplo que o Bolsa Família, ou seja, mais cidadãos brasileiros poderão receber um auxílio financeiro através do novo benefício social.


Essas informações foram formalizadas durante o encontro. Além de outros parlamentares, estavam presentes o ministros da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, e da Casa Civil, Walter Braga Netto.

Com a novidade, alguns trabalhadores informais se sentem mais esperançosos sobre o futuro. É o caso de Lucas Santos, vendedor ambulante: “com a chegada da pandemia, as venda, que já não eram muitas, caíram bastante. Se esse novo programa realmente for aprovado, poderemos garantir pelo menos o pão de cada dia, até as coisas voltarem ao normal.”


Ideia central do ‘Renda Brasil’
Na opinião de especialistas, a ideia do governo federal é estabelecer um programa que atenda aos mais vulneráveis; incluindo os informais beneficiários pelo Auxílio Emergencial de R$ 600 durante a pandemia. Com a base de dados criada pelos cadastros de milhões de brasileiros no Auxilio Emergencial, a ideia do novo programa de renda permanente ganhou força e se tornou mais plausível.

E não menos importante, é ter apoio para acabar de uma vez com a marca “Bolsa Família”, que, querendo ou não, ficou conhecida como uma bandeira dos governos petistas e ainda sustenta-se na gestão atual.


Emprego
Apesar de ter deixado claro que o programa ainda está “em elaboração”, e por conta disso não foram revelados mais detalhes, Guedes fez questão de apontar que uma das ideias mais consolidadas é a de estabelecer “gatilhos” para estimular que os beneficiários pelo programa busquem qualificação e emprego.